Jornal Médico Grande Público

ARSN destaca melhoria no acesso a primeira consulta em Braga
DATA
08/08/2018 18:02:32
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



ARSN destaca melhoria no acesso a primeira consulta em Braga

A Administração Regional de Saúde do Norte (ARSN) destacou uma “melhoria significativa” do tempo médio de espera para primeira consulta, entre 2017 e 2018, no Hospital de Braga.

De acordo com a ARSN, esta melhoria resulta do facto de nestes dois anos terem sido contratualizados 130 mil primeiras consultas, um volume “significativamente superior” comparativamente aos anos anteriores.

A ARSN sublinha que a manutenção do volume de consultas contratualizadas, em 2018, “permitirá continuar o percurso de melhoria do acesso da população à consulta externa”.

“Não há qualquer razão para que os tempos de resposta do Hospital de Braga se agravem, esperando-se antes a comunicação do processo de melhoria que tem vindo a acontecer”, lê-se no comunicado da ARSN, citado pela agência Lusa.

O comunicado da ARSN surge após um jornal de Braga ter noticiado que este hospital poderia ter de cortar mais de 62 mil consultas externas em relação às realizadas no ano de 2017, face à contratualização da produção validade pelo Governo para 2018.

Segundo o jornal local, o número de consultas externas médicas não poderá exceder, este ano, as 390.390. Note-se que em 2017 o Hospital de Braga realizou 452.552 consultas.

A ARSN explicou que a produção hospitalar é sempre contratualizada por acordo entre as partes, sendo que, em 2018, o valor global da produção contratualizada com este hospital foi de 152,1 milhões de euros, quase mais quatro milhões do que em 2017.

De acordo com a administração regional, esta unidade hospitalar registou um total de 139.500 consultas, mais 9.500 do que o volume contratado.

A realização de mais consultas do que é previsto na contratualização é “uma situação normal nos hospitais, dado o facto de nem todas serem elegíveis para pagamento, o que permite às unidades hospitalares, com vista ao cumprimento da produção contratada, realizarem ainda mais”.

Saúde Pública

news events box

Mais lidas

2
2