Jornal Médico Grande Público

OM: “É difícil que a ministra consiga resolver problemas do SNS com 201 ME”
DATA
22/10/2018 09:59:43
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




OM: “É difícil que a ministra consiga resolver problemas do SNS com 201 ME”

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM) considera que com a proposta de Orçamento do Estado para 2019 “é difícil” que a ministra da Saúde “consiga resolver os principais problemas” do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

"É difícil fazer isto com 201 milhões de euros que é o que está atribuído ao SNS. (...) Este ano de 2018 em princípio vai ser 4,8% do PIB, em 2019 provavelmente o valor ainda vai ser mais baixo. E, portanto, é difícil que esta ministra da Saúde ou qualquer outro ministro consiga resolver os principais problemas que neste momento se colocam aos portugueses e ao país na área da saúde", afirmou Miguel Guimarães.

À margem do discurso de encerramento da cerimónia de entrega do Prémio de Mérito da Competência em Gestão dos Serviços de Saúde, atribuído ao clínico José Guimarães dos Santos, no Porto, Miguel Guimarães lembrou que "só médicos, faltam 5.500", a que se juntam os milhares de enfermeiros, assistentes operacionais e técnicos em falta no SNS.

O bastonário defende que é necessário apostar na renovação de equipamentos hospitalares, algo que não será resolvido com este orçamento, “a não ser que exista um orçamento adicional só para esta matéria”.

"Há um ditado popular que diz que não é possível fazer omeletes sem ovos e aqui é a mesma coisa. As pessoas fazem um esforço imenso para tentarem melhorar ao máximo a capacidade de resposta do SNS, mas quem faz o esforço imenso não é o governo, nem é o secretário de Estado, quem faz o esforço imenso são os profissionais de saúde", afirmou.

Para o bastonário, "são os profissionais de saúde que estão a entrar em burnout, que fazem milhares e milhares de horas extraordinárias, que depois dos 50 e dos 55 anos que podiam deixar de fazer urgência e continuam a fazer urgência".

Contudo, Miguel Guimarães avisa que os profissionais de saúde têm um limite e esse limite está a ser atingido.

Saúde Pública

news events box

Mais lidas