Jornal Médico Grande Público

OM: Novos médicos devem combater más políticas de saúde
DATA
19/11/2018 10:49:24
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



OM: Novos médicos devem combater más políticas de saúde

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, considera que os jovens clínicos devem lutar pela qualidade da Medicina e combater as más políticas de saúde.

A propósito da cerimónia de Juramento de Hipócrates, que arrancou no passado sábado em Coimbra, Miguel Guimarães defendeu que é preciso dar-lhes [aos jovens especialistas] “um sinal de confiança na Medicina, mas também transmitir que têm de lutar por essa Medicina”.

“Para um médico poder servir os doentes tem, antes de mais, de combater as más políticas”, referiu o bastonário, recordando palavras semelhantes do filósofo francês Michel Foucault.

Miguel Guimarães considera que em Portugal “há más políticas de saúde” que têm de ser alteradas.

“Temos um caos generalizado nas unidades de saúde a vários níveis. Não são casos pontuais. O Estado mostra-se incompetente para resolver o caos dos sistemas informáticos, temos equipamentos obsoletos e fora do prazo e todas as semanas me chegam casos de demissões em serviços de saúde”, afirmou.

Embora a Saúde tenha melhorado significativamente nos últimos 10 ou 20 anos, graças à “grande evolução da medicina”, o responsável dos médicos considera que o Serviço Nacional de Saúde “está pior”.

Para o bastonário, os novos médicos que entram no sistema chegam numa “altura conturbada”, em que se sente “pouca vontade dos atores políticos em resolver os problemas” que afetam a saúde.

Saúde Pública

news events box

Mais lidas