Prazo de candidaturas termina dia 31 de Março
DATA
28/03/2008 06:42:24
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS

Prazo de candidaturas termina dia 31 de Março

Termina no próximo dia 31 de Março o prazo de entrega de candidaturas para o Grande Prémio AstraZeneca 2008, no valor de 50 mil euros.

Termina no próximo dia 31 de Março o prazo de entrega de candidaturas para o Grande Prémio AstraZeneca 2008. Atribuído de 3 em 3 anos a um projecto de investigação clínica na área de cuidados de saúde primários, este Grande Prémio, no valor pecuniário de 50 mil euros destina-se a todos os profissionais de saúde de nacionalidade portuguesa, cuja actividade esteja directamente ligada à prestação de cuidados de saúde primários, sendo que o autor principal do mesmo tem que ser médico.

Os trabalhos a concurso deverão ser de índole médica, com tema livre, que representem trabalhos inéditos de grande qualidade ou relevância científica na área dos cuidados de saúde primários. Os resultados serão divulgados publicamente entre os seguintes meses de Outubro e Dezembro deste ano.

Na mesma data termina o prazo de candidaturas para o Programa de Apoio à Investigação. Os trabalhos seleccionados pelo conselho científico da Fundação AstraZeneca podem beneficiar do apoio de 15.000EUR cada, num total de 6 projectos.

Criada em finais de 2002, a Fundação AstraZeneca desempenha um papel importante na realização, promoção e patrocínio de projectos de investigação e divulgação científica e tecnológica, com particular incidência na manutenção e defesa da saúde pública, bem como o desenvolvimento de projectos de acção cultural e social.

Para mais informações contacte

Fundação AstraZeneca

214345794

ou consulte

http://www.fundacaoastrazeneca.org/

Governação Clínica
Editorial | Joana Romeira Torres
Governação Clínica

O Serviço Nacional de Saúde em Portugal foi criado e cresceu numa matriz de gestão napoleónica, baseada numa forte regulamentação, hierarquização e subordinação ao poder executivo, tendo como objeto leis e regulamentos para reger a atividade de serviços públicos no geral, existindo ausência de regulamentação relativa à sua articulação com os serviços sociais e económicos.

Mais lidas