Rastreio da retinopatia diabética com 70% de adesão
DATA
08/05/2009 10:25:12
AUTOR
Jornal Médico
Rastreio da retinopatia diabética com 70% de adesão

Mais de sete mil utentes diabéticos do Algarve foram rastreados, em 2008...

Mais de sete mil utentes diabéticos do Algarve foram rastreados durante o ano de 2008, no âmbito Programa de Rastreio e Tratamento da Retinopatia Diabética da região, de acordo com os resultados divulgados a 20 de Abril, em Faro

Dos 10.832 utentes diabéticos convocados para realizarem o rastreio, compareceram 7.598, registando-se uma taxa de adesão de 70% a nível regional. Dos cidadãos rastreados, 411 foram encaminhados para tratamento de retinopatias.

O programa teve início em 2000, tendo sido efectuadas retinografias aos diabéticos registados nos centros de saúde (CS) do Algarve. Em Dezembro de 2008 encontravam-se registados nos CS da região 18.937 utentes com diagnóstico de diabetes, o que significa uma prevalência de 3,8 diabéticos por 100 inscritos.

Ainda no âmbito desta iniciativa, a Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve estabeleceu, em 2008, novos protocolos com os dois hospitais algarvios, o Hospital de Faro e o Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio. O rastreio iniciou-se no mês de Janeiro na área de influência do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, tendo começado em Setembro no Hospital de Faro.

Os doentes rastreados, a quem foram diagnosticadas retinopatias, foram encaminhados para os hospitais, tendo sido tratados por laserterapia. Assim, entre Janeiro e Dezembro de 2008, 1.411 utentes diabéticos (19% do total de diabéticos rastreados) foram encaminhados para tratamento, dos quais 863 já concluíram o respectivo tratamento.

Os resultados do Programa de Rastreio e Tratamento da Retinopatia Diabética do Algarve foram apresentados pelo Director do Departamento de Contratualização da ARS do Algarve, José Carlos Queimado, numa sessão pública que decorreu no auditório da Biblioteca Municipal de Faro.

O evento contou, ainda, com a presença do Coordenador do Programa Nacional de Prevenção e Controlo da Diabetes, José Manuel Boavida, do Coordenador Regional do Programa de Prevenção e Controlo da Diabetes, Carlos Godinho, do Presidente da ARS do Algarve, Rui Lourenço, dos Conselhos de Administração do Hospital de Faro e do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio e do Presidente da Associação Protectora dos Diabéticos Portugueses, Luís Gardette.

 

As certezas enganadoras sobre os Outros
Editorial | Mário Santos
As certezas enganadoras sobre os Outros

No processo de reflexão da minha prática clínica, levo em conta para além do meu índice de desempenho geral (IDG) e da satisfação dos meus pacientes, a opinião dos Outros. Não deixo, por isso, de ler as entrevistas cujos destaques despertam em mim o interesse sobre o que pensam e o que esperam das minhas funções, como médico de família. Selecionei alguns títulos divulgados pelo Jornal Médico, que mereceram a minha atenção no último ano: