“Seria muito salutar uma eleição com duas ou mais listas”
DATA
27/09/2011 09:02:00
AUTOR
Jornal Médico
“Seria muito salutar uma eleição com duas ou mais listas”

João Sequeira Carlos vai recandidatar-se à presidência da APMCG. Para o triénio 2012/2014 – cujo respectivo acto eleitoral se concretizará a 17 de Dezembro – o presidente da maior associação médica portuguesa de especialidade, apresenta uma lista composta por muitos dos colegas que o acompanharam nos últimos dois anos e meio

 

 

Texto integral só disponível na edição impressa

 

João Sequeira Carlos vai recandidatar-se à presidência da APMCG. Para o triénio 2012/2014 – cujo respectivo acto eleitoral se concretizará a 17 de Dezembro – o presidente da maior associação médica portuguesa de especialidade, apresenta uma lista composta por muitos dos colegas que o acompanharam nos últimos dois anos e meio. Mas também haverá caras novas, no que configura um importante sinal de renovação. Em entrevista ao nosso jornal, o também responsável pelo departamento de MGF do Hospital da Luz, expõe as ideias centrais do seu programa de candidatura. Confidenciou-nos, ainda, que não teme o contraditório. Por isso, gostaria que outros candidatos viessem a jogo e mostrassem as suas cartas 

 

Médico de Família – Já anunciou que pretende manter-se à frente da Associação Portuguesa de Médicos de Clínica Geral (APMCG), por mais três anos… A sua lista abrangerá os mesmos dirigentes que se apresentaram nas últimas eleições, ou encontraremos alterações significativas?
João Sequeira Carlos – Ainda não estão detalhados todos os pormenores da lista, pelo que não posso neste momento adiantar nomes. Mas que fique claro que o projecto de recandidatura procurará manter a maioria dos membros dos órgãos sociais. Obviamente, temos sempre de contar com o facto de alguns colegas não poderem continuar connosco, devido a compromissos entretanto assumidos e que forçam a outro tipo de gestão do seu tempo pessoal e assistencial. De qualquer forma, tomaríamos sempre a opção, convicta, de colocar novos colegas nos órgãos sociais. Até porque é sempre desejável manter algum grau de renovação…

#sejamestrelas
Editorial | António Luz Pereira
#sejamestrelas

Ciclicamente as capas dos jornais são preenchidas com o número de novos médicos. Por instantes todos prestam atenção aos números. Sim, para muitos são apenas números. Para nós, são colegas que se decidiram pelo compromisso com os utentes nas mais diversas áreas. Por isso, queremos deixar a todos, mas especialmente aqueles que abraçaram este ano a melhor especialidade do Mundo uma mensagem: “Sejam Estrelas”.

Mais lidas