Jornal Médico Grande Público

USF Fafe Sentinela: 97% de satisfação
DATA
02/01/2012 08:57:55
AUTOR
Jornal Médico
USF Fafe Sentinela: 97% de satisfação

De acordo com os resultados de um inquérito de satisfação realizado em Novembro deste ano pela equipa da USF Fafe Sentinela, 97% dos utentes afirmam-se "muito satisfeitos" ou "satisfeitos" com o trabalho desenvolvido pela equipa

De acordo com os resultados de um inquérito de satisfação realizado em Novembro deste ano pela equipa da USF Fafe Sentinela, 97% dos utentes afirmam-se "muito satisfeitos" ou "satisfeitos" com o trabalho desenvolvido pela equipa.

Responderam ao inquérito 326 pessoas (71% do sexo feminino e 29% do sexo masculino).

Relativamente à primeira questão - satisfação em relação aos serviços prestados pelos administrativos - 64% mostram-se "muito satisfeito" e 35% "satisfeitos". Apenas cinco pessoas disseram estar "pouco satisfeitas".

No que se refere à satisfação com o trabalho realizado pela enfermagem, 63% estão "muito satisfeitos" e 37% "satisfeitos". Ou seja, o número de pessoas "pouco satisfeitas" é igual...a zero!

Os resultados são igualmente muito positivos na apreciação do trabalho médico: 62% dos inquiridos encontram-se "muito satisfeitos", 35% "satisfeitos". Apenas 3% dizem estar "pouco satisfeitos".

Para a equipa, estes resultados - ligeiramente superiores aos de 2010 - vêm validar o trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos.

 

Inquérito mostra coesão dos profissionais

Na mesma altura em que era efectuado o inquérito de satisfação aos utentes, também os profissionais tiveram oportunidade de se pronunciar sobre as instalações da USF, meios de trabalho, relações interpessoais, capacidade e qualidade do trabalho.

Relativamente ao primeiro item, verifica-se que 59% dos profissionais consideram as instalações satisfatórias. No que diz respeito aos meios de trabalho, as opiniões dividem-se entre o "bom" (41%) e o "satisfatório" (53%).

A maioria entende que as relações interpessoais são "excelentes" ou "muito boas", o mesmo sucedendo à percepção das capacidades de trabalho da equipa e a qualidade do trabalho.

 

 

Relatório Primavera: verdades e consequências
Editorial
Rui Nogueira
Relatório Primavera: verdades e consequências

“Ó Costa aguenta lá o SNS” foi o pedido de António Arnaut em maio do ano passado, poucos dias antes de nos deixar. Mas o estado da saúde em Portugal está mal ou bem ou vai indo? Está melhor ou pior? O SNS dá as respostas úteis às necessidades de saúde da população? O Relatório de Primavera ajuda a fazer interpretações fundamentadas.

news events box

Mais lidas

Has no content to show!