Jornal Médico Grande Público

USF são movimento “isolado” e independentista”
DATA
26/02/2012 04:17:42
AUTOR
Jornal Médico
USF são movimento “isolado” e independentista”

Um estudo coordenado por Carlos Costa, da Escola Nacional de Saúde Pública, conclui que existe "uma maior falta de acessibilidade das populações aos profissionais de saúde das USF", cujo modelo identifica isolado e autonómico... Questionando mesmo se não será independentista

Texto integral apenas disponível na versão impressa

 Um estudo coordenado por Carlos Costa, da Escola Nacional de Saúde Pública aponta que se todos os ACES estivessem a funcionar num nível máximo de optimização de recursos em 2009 poderiam atingir poupanças de até 900 milhões de euros. O problema é que o estudo está desfasado no tempo e apresenta "desvios" assinaláveis em termos de metodologia: o DL relativo aos ACES só foi publicado em Março desse ano e os directores executivos não seriam nomeados senão em Abril... Iniciando-se a partir daí um longo processo de instalação. Relativamente à eficiência das USF, um estudo de caso de uma ULS da ARS Alentejo aponta que os utentes inscritos em unidades de saúde familiar - que os investigadores consideram ser um modelo "isolado" e "independentista" - recorrem mais às urgências. O nosso jornal apurou que a unidade local de saúde em questão é a do Norte Alentejano. E também aqui se aprecia a mesma "falha metodológica": das três unidades de saúde familiar da ULS, apenas uma estava em funcionamento em Janeiro de 2010, ano a que se refere o estudo

 

Relatório Primavera: verdades e consequências
Editorial
Rui Nogueira
Relatório Primavera: verdades e consequências

“Ó Costa aguenta lá o SNS” foi o pedido de António Arnaut em maio do ano passado, poucos dias antes de nos deixar. Mas o estado da saúde em Portugal está mal ou bem ou vai indo? Está melhor ou pior? O SNS dá as respostas úteis às necessidades de saúde da população? O Relatório de Primavera ajuda a fazer interpretações fundamentadas.

news events box

Mais lidas

Has no content to show!