Santa Casa inaugura UCC
DATA
08/11/2013 04:11:50
AUTOR
Jornal Médico
Santa Casa inaugura UCC

A Unidade de Cuidados Continuados Integrados (UCCI) da Santa Casa da Misericórdia de Manteigas está a funcionar desde o início do mês, disponibilizando 30 camas para longa duração e manutenção, disse hoje à agência Lusa fonte da instituição.

Segundo Joaquim Quaresma Domingos, provedor da Santa Casa da Misericórdia de Manteigas, a UCCI entrou em funcionamento no dia 01 de Novembro e acolhe actualmente cinco pessoas.

Aquela unidade de cuidados continuados foi edificada em Julho de 2011 e representa um investimento global superior a 1,5 milhões de euros.

O responsável indicou que está equipada com 30 camas de longa duração e manutenção, "embora apenas estejam protocoladas 25 com a Administração Regional de Saúde do Centro e com o Instituto da Segurança Social".

A UCCI de Manteigas destina-se a pessoas com doenças ou processos crónicos, com diferentes níveis de dependência, que necessitam de cuidados clínicos, de manutenção e de apoio psicossocial, em regime de internamento de longa duração, de acordo com a Santa Casa.

Joaquim Quaresma Domingos referiu tratar-se de um equipamento "de grande valor" para o concelho de Manteigas, admitindo que irá levar, "provavelmente pela primeira vez, muitas pessoas a Manteigas e à Serra da Estrela", tendo em conta as deslocações relacionadas com visitas aos doentes.

"Embora inserida na rede nacional [de cuidados continuados], está localizada no centro do país e no centro do coração da Serra da Estrela, tendo vantagens turístico-económicas para o concelho de Manteigas", admitiu.

O provedor explicou que o novo equipamento de saúde servirá não só a população do concelho de Manteigas como de todo o país, uma vez que está integrada na rede nacional de cuidados continuados.

"Em última análise, poderemos ter aqui doentes do Porto, sendo essa a opção do doente", vaticinou, embora reconheça que "todos os doentes e as suas famílias têm tendência para se aproximarem" das localidades de residência.

A UCCI de Manteigas é também importante para o concelho por acolher doentes que até agora recorriam a equipamentos similares localizados fora do município, indicou o responsável, embora aponte que dos atuais cinco utentes "apenas um é do concelho".

Tendo em conta a lista de espera existente na região Centro, Joaquim Quaresma Domingos admite ser "muito provável" que a lotação da nova unidade seja "preenchida na totalidade num curto espaço de tempo".

Com a entrada em funcionamento da UCCI, a Santa Casa da Misericórdia de Manteigas prevê criar até 20 novos postos de trabalho.

"Nesta fase inicial estamos a trabalhar com dez postos de trabalho e os restantes vão sendo contratualizados à medida das necessidades da unidade", disse o provedor.

O recrutamento de médicos, auxiliares de acção médica, enfermeiros e auxiliares de serviços gerais "foi todo feito no concelho, à excepção do médico fisiatra", contou.

As certezas enganadoras sobre os Outros
Editorial | Mário Santos
As certezas enganadoras sobre os Outros

No processo de reflexão da minha prática clínica, levo em conta para além do meu índice de desempenho geral (IDG) e da satisfação dos meus pacientes, a opinião dos Outros. Não deixo, por isso, de ler as entrevistas cujos destaques despertam em mim o interesse sobre o que pensam e o que esperam das minhas funções, como médico de família. Selecionei alguns títulos divulgados pelo Jornal Médico, que mereceram a minha atenção no último ano: