Boticas oferece 350 euros mensais para médicos se fixarem no concelho
DATA
23/09/2016 12:39:47
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Boticas oferece 350 euros mensais para médicos se fixarem no concelho

Dinheiro e Saúde

A Câmara Municipal de Boticas, no distrito de Vila Real, vai atribuir 350 euros mensais aos médicos que queiram preencher as vagas disponíveis no centro de saúde (CS) local, a partir do próximo dia 1 de outubro.

Esta medida, aprovada em reunião do executivo, pretende atrair mais profissionais de saúde e fixá-los no concelho, explica o presidente da autarquia, Fernando Queiroga, acrescentando: “Alguns médicos que trabalham no CS não eram de cá, mas acabaram por cá radicar-se e por cá gozarem a reforma, o que é importante”.

O autarca social-democrata sublinha que “a Câmara tem de ter uma atenção redobrada à área da saúde porque é fundamental para a população”, mas que tal só é possível “porque temos disponibilidade financeira”, alega.

Fernando Queiroga diz ainda ser necessário realizar obras de requalificação nesta unidade de saúde, que foi construída há 35 anos sem nunca ter sofrido alterações, e manifestou a disponibilidade do Município de Boticas em colaborar com o Ministério da Saúde, comparticipando nos custos.

“São custos avultados. Já reunimos com a Administração Regional de Saúde do Norte que, agora, vai fazer o levantamento das necessidades”, revelou o responsável.

800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde
Editorial | Jornal Médico
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde

Se não os tivéssemos seria bem pior! O reforço do Programa Operacional da Saúde com 800 milhões de euros pode ser entendido como sinal político de valorização do setor da saúde. Será uma viragem na política restritiva? O Serviço Nacional de Saúde (SNS) de 40 anos precisa de cuidados intensivos! Há novos enquadramentos, novas responsabilidades, novas ideias e novas soluções. É urgente pensarmos na nova década com rigor e disponibilidade sincera.

Mais lidas