Constrangimentos no Centro Hospitalar Barreiro-Montijo obrigam a reencaminhar doentes
DATA
04/01/2017 10:53:16
AUTOR
Jornal Médico
Constrangimentos no Centro Hospitalar Barreiro-Montijo obrigam a reencaminhar doentes

A urgência do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo sofreu ontem alguns constrangimentos que levaram a que alguns utentes fossem encaminhados para outros hospitais, segundo confirmação à Agência Lusa por parte do conselho de administração.

"Verificaram-se hoje alguns constrangimentos no Serviço de Urgência Geral do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo, pelo que solicitámos ao Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) que encaminhasse os utentes muito urgentes para outros hospitais", referiu a administração, em resposta à Agência Lusa.

A administração indicou, a meio a tarde, que a situação já se encontra regularizada.

"Reafirmamos que a situação se aplicou apenas aos casos muito urgentes transportados em ambulância e que todos os outros que se dirigiram ao Centro Hospital Barreiro-Montijo estão a ser observados", acrescentou.

800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde
Editorial | Jornal Médico
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde

Se não os tivéssemos seria bem pior! O reforço do Programa Operacional da Saúde com 800 milhões de euros pode ser entendido como sinal político de valorização do setor da saúde. Será uma viragem na política restritiva? O Serviço Nacional de Saúde (SNS) de 40 anos precisa de cuidados intensivos! Há novos enquadramentos, novas responsabilidades, novas ideias e novas soluções. É urgente pensarmos na nova década com rigor e disponibilidade sincera.

Mais lidas