SIM: Governo tem de preparar já concurso deste ano
DATA
07/03/2018 09:57:48
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


SIM: Governo tem de preparar já concurso deste ano

O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) “apela veementemente” ao Governo que tenha já pronto o concurso para os cerca de 900 médicos que terminam a especialidade em abril, para evitar o “lamentável atraso” verificado este ano.

Em declarações à agência Lusa, o secretário-geral do SIM lembrou que cerca de 200 recém-especialistas que terminaram o internato no ano passado acabaram por abandonar o sistema devido aos “atrasos na abertura de concurso, motivados pela incompetência do Governo”.

Cerca de 700 médicos da área hospitalar aguardaram dez meses pela abertura de um concurso para serem colocados no Serviço Nacional de Saúde (SNS), tendo a autorização do concurso sido aberta na semana passada. Atrasado esteve também o concurso dos médicos de medicina geral e familiar.

“Apelamos veementemente para que o Ministério da Saúde tenha prontos os concursos para os cerca de 500 médicos hospitalares e 400 de medicina geral e familiar que terminam em abril deste ano a especialidade”, afirmou o secretário-geral do SIM.

Roque da Cunha diz que, “tendo em conta a grande instabilidade” verificada com os concursos dos profissionais que concluíram a especialidade no ano passado, “seria prudente” que o concurso deste ano já estivesse pronto, para ser lançado em maio e ter os profissionais colocados e a trabalhar em junho.

Os médicos recém-especialistas em medicina geral e familiar e da área hospitalar devem estar colocados dentro de três semanas nas instituições do SNS e a exercer a especialidade, segundo fonte oficial.

É urgente desburocratizar os Cuidados de Saúde Primários
Editorial | Jornal Médico
É urgente desburocratizar os Cuidados de Saúde Primários

Neste momento os CSP encontram-se sobrecarregados de processos burocráticos inúteis, duplicados, desnecessários, que comprometem a relação médico-doente e que retiram tempo para a atividade assistencial.