INE: Despesa com Saúde aumentou 3% em 2017
DATA
26/06/2018 11:48:41
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



INE: Despesa com Saúde aumentou 3% em 2017

A despesa com a Saúde cresceu 3% em 2017, o que significa uma redução em relação aos dois anos anteriores, tendo atingindo os 17,3 milhões de euros (ME), divulgou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com o INE, no último ano a despesa corrente da Saúde teve um crescimento estimado de 3%, sendo, no entanto, inferior ao ritmo do aumento do Produto Interno Bruto (PIB), situado nos 4,1%.

Os 17,3 ME estimados representam 9% do PIB e 1.683,9 euros per capita. Já em 2016, a despesa corrente em Saúde cresceu mais 1,2 pontos percentuais do que o PIB.

Os dados, hoje divulgados, mostram que a despesa corrente pública em Saúde aumentou, no triénio 2015-2017, mais do que a despesa corrente privada, “reforçando a sua importância relativa no financiamento do sistema de saúde português”.

DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Depois de três meses de confinamento é necessário aceitarmos a prudência de DES”confinar sem DISconfinar. Não vamos querer “morrer na praia”! As aprendizagens da pandemia Covid-19 são uma ótima oportunidade para acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência e o estado de calamidade ensinaram-nos muito! É necessário desconfinar o centro de saúde com uma nova visão e reinventar o conceito com unidades de saúde aprendentes e inovadoras.

Mais lidas