SPH organiza curso destinado a jovens médicos
DATA
02/08/2018 11:35:55
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



SPH organiza curso destinado a jovens médicos

A Sociedade Portuguesa de Hipertensão (SPH) organiza a 15.ª edição da Hypertension Summer School (HSS), no Your Hotel & Spa Alcobaça, que decorre entre os dias 4 e 7 de outubro.

O curso é destinado a jovens médicos, com interesse especial na clínica e na investigação da hipertensão arterial (HTA). As inscrições são gratuitas e estão limitadas a um total de 25 participantes, sendo o inglês a língua oficial.

Durante o curso serão abordadas diferentes temáticas na área da HTA e da doença cardiovascular: genética, fisiologia, epidemiologia, medicina translacional, sal e doença cardiovascular, gestão da hipertensão, aspectos cognitivos, leitura crítica da evidência e adesão ao tratamento.

Ao melhor participante, escolhido após avaliação final, será concedida uma bolsa de estudo com duração de três meses, para participar num projeto de investigação num serviço de renome internacional da área da HTA, em Paris.

O fundador e membro da comissão organizadora da HSS, Agostinho Monteiro, salienta “a enorme participação dos internos ao longo de todas as edições”, afirmando que o sucesso do curso está “na discussão de tópicos completamente diferentes dos que vulgarmente são abordados numa sessão de HTA, pois o objetivo não é dar apenas informação (…), mas sim uma real formação”.

Ao longo dos quatro dias, os jovens médicos vão ter a oportunidade de partilhar e debater com os melhores especialistas europeus sobre todas as facetas da HTA, desde as ciências básicas até à terapêutica, passando pela investigação, epidemiologia e genética.

O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas