Central de cogeração do S. Francisco Xavier vai ser reformulada
DATA
11/09/2018 16:14:28
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Central de cogeração do S. Francisco Xavier vai ser reformulada

O Hospital de São Francisco Xavier vai reformular a central de cogeração, seguindo as orientações das entidades nacionais de saúde, num investimento que ascende a um milhão de euros, de forma a minimizar o risco de surtos de legionella.

Em comunicado, o conselho de administração do Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental (CHLO) informa já ter recebido a autorização necessária do gabinete do secretário de Estado do Orçamento para a concessão de exploração da Unidade de Cogeração (para fornecimento de energia térmica) do Hospital de São Francisco Xavier, contemplando as orientações técnicas das Entidades Nacionais de Saúde.

“Este investimento permite reformular a Central de Cogeração, segundo orientações da DGS [Direção-Geral da Saúde] e INSA [Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge], de modo a minimizar o risco ambiental no Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental”, refere o conselho de administração.

Recorde-se que, em 2017, um surto de legionella no São Francisco Xavier, em Lisboa, infetou 59 pessoas, cinco das quais morreram. Na altura, os técnicos que investigaram o surto encontraram falhas na manutenção das torres de arrefecimento e condições de conservação propícias ao desenvolvimento de bactérias.

Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve
Editorial | Gil Correia
Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve

É quase esquizofrénico no mesmo mês em que se discute a carência de Médicos de Família no SNS empurrar, por decreto, os doentes que recorrem aos Serviços de Urgência (SU) hospitalares para os Centros de Saúde. A resolução do problema das urgências em Portugal passa necessariamente pelo repensar do sistema, do acesso e de formas inteligentes e eficientes de garantir os cuidados na medida e tempo de quem deles necessita. Os Cuidados de Saúde Primários têm aqui, naturalmente, um papel fundamental.