Nobel da Medicina: Investigação em imunoterapia para cancro vence prémio
DATA
01/10/2018 12:52:50
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Nobel da Medicina: Investigação em imunoterapia para cancro vence prémio

O Prémio Nobel da Medicina 2018 foi atribuído aos investigadores James P. Allison e Tasuku Honjo, pelas descobertas relacionadas com o papel do sistema imunitário na luta contra o cancro, anunciou esta manhã o comité Nobel no Instituto Karolinska, em Estocolmo, na Suécia.

“O Prémio Nobel deste ano assinala um marco na luta contra o cancro”, sublinhou o comité do Nobel, frisando que estas investigações representam uma mudança de paradigma.

“É um princípio totalmente novo. Neste caso, em vez de ter como alvo as células cancerosas, estas abordagens usam travões das células do nosso sistema imunitário para travar o cancro”, explicou o comité do Nobel, citado pelo Público.

Através do bloqueio dos “travões” das células do sistema imunitário – os linfócitos T – o sistema imunitário acelera, investindo rapidamente nas células cancerosas.

Enquanto o norte-americano James P. Allison estudou uma proteína – CTLA-4 – que funciona como um travão no sistema imunitário, o japonês Tasuku Honjo investigou uma outra proteína – PD1 – que também funciona como um travão, ainda que através de um mecanismo de ação diferente.

Ambas as terapias provaram ser eficazes na luta contra o cancro, apresentando resultados científicos comprovados em tumores como o melanoma, cancro dos pulmões e dos rins.

“Até às descobertas feitas pelos laureados da Medicina de 2018, o progresso no desenvolvimento clínico foi modesto”, considerou o comité, sublinhando que são os “resultados fantásticos” das investigações que justificaram a escolha.

A "hiperventilação" dos Cuidados de Saúde Primários
Editorial | Joana Romeira Torres
A "hiperventilação" dos Cuidados de Saúde Primários
A Organização Mundial de Saúde alude que os Cuidados de Saúde Primários (CSP) são cruciais para a obtenção de promoção da saúde a nível global. Neste sentido, a Organização Mundial dos Médicos de Família (WONCA) tem estabelecido estratégias que têm permitido marcar posição dos mesmos na comunidade médica geral.

Mais lidas