Ébola: OMS doa mais de três mil vacinas ao Uganda
DATA
20/12/2018 12:58:26
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Ébola: OMS doa mais de três mil vacinas ao Uganda

A Organização Mundial de Saúde (OMS) doou mais de três mil doses de vacinas contra o vírus do ébola ao Uganda para imunizar os profissionais de saúde contra a doença, avançou a agência noticiosa chinesa Xinhua.

Segundo o representante da OMS no Uganda, Yonas Tegegn Woldemariam, o envio de doses extras vai permitir estender a vacinação para 20 distritos considerados de alto risco.

A ministra da Saúde do Uganda, Ruth Aceng, fez questão de agradecer aos parceiros e doadores pelo seu contínuo apoio à resposta de preparação do Uganda contra o vírus do ébola, embora o país ainda não tenha sido atingido pela doença.

Recorde-se que, em novembro, a OMS, em parceria com o Ministério da Saúde, lançou um programa de vacinação contra o vírus do ébola, tendo fornecido 2.100 doses iniciais da vacina experimental.

Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve
Editorial | Gil Correia
Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve

É quase esquizofrénico no mesmo mês em que se discute a carência de Médicos de Família no SNS empurrar, por decreto, os doentes que recorrem aos Serviços de Urgência (SU) hospitalares para os Centros de Saúde. A resolução do problema das urgências em Portugal passa necessariamente pelo repensar do sistema, do acesso e de formas inteligentes e eficientes de garantir os cuidados na medida e tempo de quem deles necessita. Os Cuidados de Saúde Primários têm aqui, naturalmente, um papel fundamental.