Jornal Médico Grande Público

Congresso reúne especialistas nacionais e internacionais para debater a Anestesiologia
DATA
14/03/2019 15:35:37
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Congresso reúne especialistas nacionais e internacionais para debater a Anestesiologia

A Figueira da Foz recebe, nos próximos dias, o Congresso da Sociedade Portuguesa de Anestesiologia, que apresenta um programa científico diverso com palestras, apresentações de posters e comunicações livres.

O encontro vai contar com a colaboração de especialistas nacionais e internacionais na área de Anestesiologia.

O evento, organizado pela Sociedade Portuguesa de Anestesiologia (SPA), tem como mote “Fazer a diferença” e pretende realçar o importante papel da Anestesiologia em conseguir marcar a diferença na humanização e progressão dos cuidados médicos centrados no doente nas várias áreas médicas onde a especialidade atua.

A Presidente da SPA, Rosário Órfão, assinala que o Congresso tem como objetivo “proporcionar formação, atualização e reflexão a todos os participantes, através do  conhecimento, saber, experiência e Ciência”. “Procurámos preparar um programa de elevado nível, que julgamos que possa ser cientificamente atrativo, atual e rigoroso, para inspirar os Anestesiologias portugueses a fazer mais e melhor”, realça.

No decorrer dos três dias de evento, que conta com o patrocínio da MSD, haverá lugar para palestras magistrais, sessões pro cons, reuniões de consensos, apresentação de posters e comunicações livres.

Serão debatidas várias temáticas relacionadas com a especialidade, tais como a Cirurgia de Ambulatório, Medicina da Dor Aguda e Crónica no adulto e na população pediátrica, Sustentabilidade e Anestesiologia, Medicina Hiperbárica, Pensamento Lean e Briefing Clínico. Destaca-se também a partilha de alguns projectos inovadores implementados pela Sociedade Portuguesa de Anestesiologia, nomeadamente o lançamento do primeiro canal de podcasts de uma Sociedade Científica portuguesa e, também, dos cartões de registo da via aérea difícil que se pretendem assumir como uma ferramenta de segurança para os doentes com esta característica.

Relatório Primavera: verdades e consequências
Editorial
Rui Nogueira
Relatório Primavera: verdades e consequências

“Ó Costa aguenta lá o SNS” foi o pedido de António Arnaut em maio do ano passado, poucos dias antes de nos deixar. Mas o estado da saúde em Portugal está mal ou bem ou vai indo? Está melhor ou pior? O SNS dá as respostas úteis às necessidades de saúde da população? O Relatório de Primavera ajuda a fazer interpretações fundamentadas.

news events box

Mais lidas

Has no content to show!