Ministra da Saúde chamou Ordem dos Médicos para reunião após pedido urgente
DATA
20/03/2019 17:14:58
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Ministra da Saúde chamou Ordem dos Médicos para reunião após pedido urgente

A ministra da Saúde afirmou hoje que já chamou a Ordem dos Médicos para uma reunião, na sequência de um pedido urgente, e garantiu que não há qualquer desconsideração pela profissão médica como por nenhum grupo profissional da saúde.

A Ordem dos Médicos tinha na terça-feira pedido uma reunião com caráter de urgência à ministra da Saúde, na sequência de atitudes e declarações da tutela que "revelam uma total falta de respeito” e um “nível de desprezo nunca antes alcançado”.

Hoje, em declarações aos jornalistas, a ministra Marta Temido entende que “deve haver uma incompreensão do que é a posição do Ministério da Saúde” em relação aos médicos.

“Como é obvio não há qualquer sentimento de menor consideração por nenhum dos profissionais de saúde que fazem o sistema de saúde português e garantidamente que isso não acontece em relação à profissão médica”, declarou à margem de uma cerimónia que assinalou em Lisboa o Dia Mundial da Saúde Oral.

Marta Temido indicou que já convidou a Ordem dos Médicos para uma reunião, na sequência da solicitação da Ordem, pedindo também a presença do Conselho Nacional do Médico Interno.

800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde
Editorial | Jornal Médico
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde

Se não os tivéssemos seria bem pior! O reforço do Programa Operacional da Saúde com 800 milhões de euros pode ser entendido como sinal político de valorização do setor da saúde. Será uma viragem na política restritiva? O Serviço Nacional de Saúde (SNS) de 40 anos precisa de cuidados intensivos! Há novos enquadramentos, novas responsabilidades, novas ideias e novas soluções. É urgente pensarmos na nova década com rigor e disponibilidade sincera.

Mais lidas