Jornal Médico Grande Público

Níveis elevados de pólenes em quase todo o país até ao fim do mês
DATA
21/06/2019 10:53:09
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS

Níveis elevados de pólenes em quase todo o país até ao fim do mês

Os pólenes vão estar em níveis elevados até ao final do mês nas regiões norte, Lisboa e Alentejo, diminuindo de intensidade no Algarve e nas Regiões Autónomas, segundo a Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica (SPAIC).

Num boletim com a previsão dos níveis dos pólenes até ao final do mês, a SPAIC adianta que os níveis vão estar elevados em Vila Real, região de Trás-os-Montes e Alto Douro, bem como no Porto, Coimbra, Castelo Branco, Lisboa e Évora.

Os níveis de pólenes baixam para moderado na região do Algarve e para baixo nas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.

Na atmosfera predominam os pólenes da oliveira, carvalho e castanheiro na região de Vila Real, e do castanheiro na zona do Douro, Coimbra e Castelo Branco.

As ervas gramínea e parietária também contribuem para os níveis de pólenes em quase todo o país. Nas regiões autónomas também há pólenes da erva tanchagem, sendo que nos Açores o pinheiro e a palmeira também são responsáveis pelos níveis de pólen.

Os pólenes podem provocar reações alérgicas. A alergia ao pólen causa reações do aparelho respiratório (asma e rinite alérgica), dos olhos (conjuntivite alérgica) ou da pele (urticária e eczema).

Relatório Primavera: verdades e consequências
Editorial
Rui Nogueira
Relatório Primavera: verdades e consequências

“Ó Costa aguenta lá o SNS” foi o pedido de António Arnaut em maio do ano passado, poucos dias antes de nos deixar. Mas o estado da saúde em Portugal está mal ou bem ou vai indo? Está melhor ou pior? O SNS dá as respostas úteis às necessidades de saúde da população? O Relatório de Primavera ajuda a fazer interpretações fundamentadas.

news events box

Mais lidas