Jornal Médico Grande Público

Equipa de clínicos do CHULC distinguidos com prémio “Bolsa jovens investigadores em dor”
DATA
21/08/2019 11:28:49
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Equipa de clínicos do CHULC distinguidos com prémio “Bolsa jovens investigadores em dor”

O projeto de investigação intitulado "O efeito da infiltração intra-articular de Leucocyte-Poor Platelet Rich Plasma (LP-PRP) na concentração sinovial de citocinas pró-inflamatórias em doentes com osteoartrose ligeira a moderada da anca" da autoria dos médicos do CHULC Guilherme Ferreira dos Santos, André Caiado, Sérgio Gonçalves, Luís Horta e Pedro Soares Branco, foi galardoado com o prémio "Bolsa Jovens Investigadores em Dor" de 2019, atribuído pela Fundação Grünenthal, por maioria de votos do júri.

Este projeto de investigação encontra-se incluído no plano de atividades anual de investigação do Grupo Interdisciplinar de Medicina Regenerativa do CHULC. Este grupo clínico e de investigação, fundado no final de 2018 pelo Prof. Doutor Pedro Soares Branco e que conta já com um total de mais de trinta doentes tratados com sucesso desde a sua conceção, junta médicos investigadores das especialidades de Imunohemoterapia, Medicina Física e de Reabilitação e Ortopedia e Traumatologia do CHULC, que procuram encontrar estratégias terapêuticas conservadoras que permitam evitar ou protelar a cirurgia ortopédica em doentes com osteoartrose ligeira a moderada da anca e do joelho, através da infiltração intra-articular de derivados biológicos autólogos, obtidos e trabalhados no laboratório de Imunohemoterapia.

Com a atribuição desta bolsa, num valor total de 10 mil euros, o grupo irá adquirir os reagentes laboratoriais necessários para iniciar o trabalho de campo deste projeto, que se prevê ter a duração de um ano. A cerimónia pública de divulgação e entrega do prémio será na Fundação Calouste Gulbenkian no decorrer do Colóquio Fundação Grünenthal, a decorrer no dia 10 de Outubro de 2019.

Relatório Primavera: verdades e consequências
Editorial
Rui Nogueira
Relatório Primavera: verdades e consequências

“Ó Costa aguenta lá o SNS” foi o pedido de António Arnaut em maio do ano passado, poucos dias antes de nos deixar. Mas o estado da saúde em Portugal está mal ou bem ou vai indo? Está melhor ou pior? O SNS dá as respostas úteis às necessidades de saúde da população? O Relatório de Primavera ajuda a fazer interpretações fundamentadas.

news events box

Mais lidas