Açores: Dois milhões de euros em taxas moderadoras em 2018
DATA
03/09/2019 10:11:20
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Açores: Dois milhões de euros em taxas moderadoras em 2018
Os Açores arrecadaram cerca de dois milhões de euros com taxas moderadoras em 2018, um aumento de cerca de 55 mil euros face a 2017, tendo 34% dos utentes beneficiado de isenção de pagamento.

A Região Autónoma dos Açores arrecadou 2,043 milhões de euros com pagamentos de taxas moderadoras em 2018, um aumento de cerca de 55 mil euros em relação ao ano anterior, informou a Assembleia Legislativa Regional, em resposta a um requerimento interposto pelo Partido Popular Monárquico, representado no parlamento açoriano pelo deputado Paulo Estêvão.

Segundo a Assembleia, no ano passado, 91.497 utentes do Serviço Regional de Saúde, ou seja, 34% dos inscritos, beneficiaram de isenção de pagamento de taxas moderadoras.

O documento entregue mostra, ainda, que, em 2014, foram pagos cerca de dois milhões de euros em taxas moderadores, em 2015, 1,94 milhões e, em 2016, 1,99 milhões de euros.

Em nota de imprensa, citada pela agência Lusa, Paulo Estêvão lamenta que a resposta ao requerimento tenha chegado “fora do prazo legal e só após a entrada de um recurso do PPM para que a questão fosse debatida no plenário do parlamento dos Açores”.

“A informação foi arrancada a ferros, mas está, finalmente, disponível para o conjunto dos açorianos”, acrescentou.

800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde
Editorial | Jornal Médico
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde

Se não os tivéssemos seria bem pior! O reforço do Programa Operacional da Saúde com 800 milhões de euros pode ser entendido como sinal político de valorização do setor da saúde. Será uma viragem na política restritiva? O Serviço Nacional de Saúde (SNS) de 40 anos precisa de cuidados intensivos! Há novos enquadramentos, novas responsabilidades, novas ideias e novas soluções. É urgente pensarmos na nova década com rigor e disponibilidade sincera.

Mais lidas