Sociedade Portuguesa de Oftalmologia e Alcon unem esforços para a consciencialização e prevenção de doenças oculares
DATA
10/10/2019 12:09:35
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Sociedade Portuguesa de Oftalmologia e Alcon unem esforços para a consciencialização e prevenção de doenças oculares

Hoje comemora-se o Dia Mundial da Visão, nesse âmbito a Sociedade Portuguesa de Oftalmologia e a Alcon, anunciam um reforço da sua parceria para a realização de diversas iniciativas de consciencialização para a saúde ocular junto da população.

Como parte da parceria, as duas entidades anunciam que têm programada a realização de rastreios visuais gratuitos. Nestes rastreios, promovidos pela Alcon e pela SPO, será possível fazer exames oftalmológicos gratuitos, possibilitando a realização de exames que poderão identificar doenças como a presbiopia, miopia, astigmatismo, hipermetropia, queratocone, catarata e hipertensão ocular. Os rastreios visuais incidirão igualmente na doença da catarata, a principal causa de cegueira evitável em todo o mundo.

Em palavras da Ana Isabel Gómez, General Manager da Alcon Espanha e Alcon Portugal, “O nosso objetivo é ajudar as pessoas a ver melhor e, para atingi-lo, apostamos na contínua inovação e compromisso com as comunidades onde estamos presentes. A parceria entre a Alcon e a SPO nasce no âmbito deste compromisso, e permite-nos desenvolver iniciativas de informação e consciencialização da população em geral, com o objetivo de melhorar a saúde visual dos portugueses.” 

 

 

 

 

O Novo Livro Azul tem um passado e um futuro a defender e a promover num novo ciclo
Editorial | Jornal Médico
O Novo Livro Azul tem um passado e um futuro a defender e a promover num novo ciclo

O Novo Livro Azul da APMGF é um desejo e uma necessidade. Volvidos 30 anos é fácil constatar que todos os princípios e valores defendidos no Livro Azul se mantêm incrivelmente atuais, apesar da pertinência do rejuvenescimento que a passagem dos anos aconselha. É necessário pensar, idealizar e projetar a visão sobre os novos centros de saúde, tendo em conta a realidade atual e as exigências e necessidades sentidas no futuro que é já hoje. Estamos a iniciar um novo ciclo!

Mais lidas