II Simpósio de Investigação em Tuberculose e Micobactérias Não Tuberculosas em Portugal
DATA
30/01/2020 11:00:53
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


II Simpósio de Investigação em Tuberculose e Micobactérias Não Tuberculosas em Portugal

A tuberculose é ainda um dos maiores problemas mundiais de saúde pública. Devido ao Mycobacterium Tuberculosis, hoje em dia morrem mais pessoas por tuberculose em todo o mundo do que por qualquer outra doença infeciosa curável.

Por estes motivos a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou esta doença como sendo uma emergência. As micobactérias não tuberculosas são menos virulentas em seres humanos do que a espécie Mycobacterium Tuberculosis. As infeções por esses microrganismos têm sido chamadas de infeções por micobactérias atípicas, ambientais e não tuberculosas e podem causar também algumas patologias.

Com o objetivo de permitir aos grupos de investigação que trabalham diariamente na busca por novas informações e abordagens terapêuticas para as patologias causadas por estes microrganismos, a LisbonPH- Júnior Empresa da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa, organiza o “II Simpósio de Investigação em Tuberculose e Micobactérias Não Tuberculosas em Portugal”, que decorrerá no próximo dia 31 de janeiro de 2020 na Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa, com a participação de Elsa Anes, Madalena Pimentel e Isabel Portugal - professoras e investigadoras na Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa e no iMed.ULisboa.

O evento irá contar com mais de 300 participantes e juntará diversos especialistas e investigadores nacionais para debaterem temas atuais da área ao longo do dia, bem como proporcionará uma exposição de posters científicos alusivos à mesma.

#sejamestrelas
Editorial | António Luz Pereira
#sejamestrelas

Ciclicamente as capas dos jornais são preenchidas com o número de novos médicos. Por instantes todos prestam atenção aos números. Sim, para muitos são apenas números. Para nós, são colegas que se decidiram pelo compromisso com os utentes nas mais diversas áreas. Por isso, queremos deixar a todos, mas especialmente aqueles que abraçaram este ano a melhor especialidade do Mundo uma mensagem: “Sejam Estrelas”.

Mais lidas