Congresso médico-científico In4Med regressa com várias atividades para estudantes na área da saúde
DATA
24/02/2020 18:54:07
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Congresso médico-científico In4Med regressa com várias atividades para estudantes na área da saúde

A nona edição do Congresso In4Med irá decorrer no Convento de São Francisco, em Coimbra, de 27 a fevereiro a 1 de março. O evento anual, organizado exclusivamente por estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC), terá como lema “Lighting the way, starting today”. O mote é justificado pela pertinência e necessidade de impelir o conhecimento e raciocínio clínico, bem como a de capacitar os participantes – estudantes na área da saúde – na valência humanística.  

Em foco estarão as áreas da Neurologia, Neurocirurgia, Pediatria, Cirurgia Pediátrica e Fetal, doenças mentais, Psiquiatria e medicina extrema em ambientes afastados do meio hospitalar. Entre os vários oradores médicos e cientistas – nacionais e internacionais –, destaca-se a presença confirmada do Nobel de Medicina ou Fisiologia de 2012, John Gurdon, e do fundador e diretor da World Extreme Medicine e de Across the Divide Expeditions, Mark Hannaford.

Ademais, o Congresso terá como tema de debate a “Gestação de Substituição”, sob diferentes perspetivas – legais e éticas. Haverá ainda espaço para uma vasta gama de workshops, pré-cursos, competições científicas e respetiva atribuição de prémios aos vencedores.

Desde técnicas cirúrgicas, até técnicas de comunicação com os doentes, de resposta a situação de emergência e de investigação, os workshops têm como objetivo a consolidação de conceitos teóricos através da sua materialização prática. Contemplados no conjunto “Ready. Set.Go!”, estão os pré-cursos, cerca de uma dezena, com aplicabilidade clínica.

Relativamente às competições, destaca-se o Scrub Up!, de simulação, o Post n’ Speak, de divulgação científica, e Doctor, Crack My Case!, de raciocínio clínico e trabalho em equipa (quizzes médicos interativos). A equipa vencedora do Scrub Up! terá ainda oportunidade de disputar a final nacional no Congresso da Sociedade Portuguesa de Simulação Aplicada às Ciências da Saúde para então se decidir quem irá representar Portugal na competição europeia em Milão.

A estudante do 4º ano da FMUC e coordenadora geral do projeto, Joana César, sublinha que a iniciativa deste ano “ambiciona guindar a excelência e passos firmes de outrora, pretendendo fomentar o contacto dos mais de 600 estudantes nacionais e internacionais de Medicina e outros cursos associados à saúde com áreas e temas menos abordados ao longo do percurso académico”. Como tal, advoga que o Congresso tem uma natureza complementar, quer para a “educação médica e outras áreas científicas”, quer para o “desenvolvimento pessoal”.

DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Depois de três meses de confinamento é necessário aceitarmos a prudência de DES”confinar sem DISconfinar. Não vamos querer “morrer na praia”! As aprendizagens da pandemia Covid-19 são uma ótima oportunidade para acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência e o estado de calamidade ensinaram-nos muito! É necessário desconfinar o centro de saúde com uma nova visão e reinventar o conceito com unidades de saúde aprendentes e inovadoras.

Mais lidas