Covid-19: Eventos científicos adiados devido a risco de contágio
DATA
06/03/2020 11:39:19
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Covid-19: Eventos científicos adiados devido a risco de contágio

São vários os eventos científicos agendados para as próximas semanas que têm sido adiados devido ao impacto do Covid-19 a nível mundial e europeu.

Portugal – onde acabam de ser confirmados os primeiros casos da infeção – não é exceção.

As decisões de adiar reuniões científicas e congressos médicos, entre outras iniciativas no setor da Saúde, seguem a recomendação conjunta da Ordem dos Médicos (OM) e da Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica (APIFARMA), divulgada a 2 de março, que sugeria o adiamento dos eventos agendados “sempre que possível”, como medida preventiva que se deve manter em vigor “enquanto os riscos para a saúde pública se mantiverem nos atuais níveis”. 

Em comunicado conjunto, a OM e a APIFARMA adiantam: “Recomendamos aos nossos associados que, sempre que possível, procedam ao adiamento dos eventos que tenham agendados, como conferências, congressos, seminários, simpósios”.

Também a Associação Portuguesa das Empresas de Dispositivos Médicos (APORMED) publicou uma nota na qual afirma estar a acompanhar a evolução e o impacto do surto do novo coronavírus a nível mundial e nacional, recomendando a restrição de reuniões presenciais que envolvam aglomeração.

Neste sentido, a Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) acaba de anunciar o adiamento do seu 37.º Encontro Nacional, inicialmente agendado para os dias 11 a 14 de março de 2020, em Braga. Numa nota publicada no seu site, a APMGF esclarece que “depois de avaliação ponderada e no atual contexto de esforço nacional para a contenção do risco de contágio pelo Covid-19, a direção da APMGF decidiu adiar a realização do 37.º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar”. Para já, adianta a entidade, “não serão definidas novas datas para o evento, tendo sido considerado pela Comissão Organizadora prudente aguardar pela evolução epidemiológica da situação”.

A associação aproveitou também para agradecer a compressão de todos os participantes, convidados e parceiros do Encontro e compromete-se a reanalisar as condições para a realização da reunião científica.

Até ao momento, também cancelados ou adiados (alguns deles sem data prevista de realização) foram o XXVII Congresso de Pneumologia do Norte, a 5.ª Reunião Científica Internacional do Grupo de Estudos da Retina de Portugal, o 32.º Encontro Nacional de Epileptologia, a Reunião da Associação Portuguesa de Farmacêuticos Hospitalares (APFH) – Atualizações em Cardiologia & Neurologia, a Reunião da Sociedade Portuguesa de Cefaleias (SPC) – “Inovação Terapêutica” (reagendado para 25 e 26 de junho), o 2.º Encontro de Terapêuticas Alvo Torácica (adiado para 26 de setembro), a XXXIII Reunião Anual da Sociedade Portuguesa de Gastroenterologia, Hepatologia e Nutrição Pediátrica (SPGP), a  5.ª Conferência Portugal Saudável e Festival À Roda da Alimentação e a 11th Annual International (bio)Medical Students Meeting (AIMS).

É esperado que o número de cancelamentos e reagendamentos se torne superior nas próximas semanas, pelo que estará sempre em constante atualização.  

A Organização Mundial de Saúde declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional e aumentou o risco para “muito elevado”. Detetado em dezembro na China, o surto de Covid-19 infetou, até ao momento, mais de 95 mil pessoas em 81 países, incluindo nove em Portugal. De notar que das pessoas infetadas, cerca de 45 mil já recuperaram.

Mulher, autonomia e indicadores – uma história de retrocesso?
Editorial | Jornal Médico
Mulher, autonomia e indicadores – uma história de retrocesso?

O regime remuneratório das USF modelo B há muito que é tema para as mais diversas discussões, parecendo ser unânime a opinião de que necessita de uma revisão, inexistente de forma séria desde a sua implementação.