Covid-19: Lusíadas Saúde vai realizar videoconsultas
DATA
23/03/2020 09:48:01
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Covid-19: Lusíadas Saúde vai realizar videoconsultas

Face aos atuais constrangimentos e medidas para a prevenção do contágio de Covid-19, a Lusíadas Saúde vai lançar um novo serviço que permite aos médicos realizar consultas através de vídeo e evitar as deslocações não essenciais dos doentes às unidades do grupo.

O serviço de Consultas Médicas Online vai estar disponível em todas as unidades do Grupo no Norte, Grande Lisboa e Algarve, já a partir de hoje e de forma progressiva.

“Vamos estar articulados com o SNS para ajudar o país a combater a pandemia de Covid-19, mas reconhecemos a necessidade de continuar a cuidar de todas as pessoas, garantindo o normal funcionamento das consultas de todas as especialidades médicas. Assim, este serviço vem dar resposta a essa necessidade, ao mesmo tempo que garante a máxima segurança dos profissionais de saúde e da população”, explica o CEO da Lusíadas Saúde, Vasco Antunes Pereira.

Mediante uma rápida mobilização no contacto às Entidades Seguradoras, os parceiros responderam positivamente e as videoconsultas já se encontram acordadas com as principais Entidades. Assim sendo, as videoconsultas serão faturadas ao valor acordado para as Consultas de Especialidade presenciais. Para os clientes beneficiários de seguros e subsistemas de saúde que ainda não contrataram este novo serviço de videoconsulta, vão poder aceder a este serviço ao valor de tabela contratado para a consulta presencial.

O agendamento das videoconsultas é assegurado pelo Contact Center da Lusíadas Saúde, através dos contactos disponíveis aqui.

O Novo Livro Azul tem um passado e um futuro a defender e a promover num novo ciclo
Editorial | Jornal Médico
O Novo Livro Azul tem um passado e um futuro a defender e a promover num novo ciclo

O Novo Livro Azul da APMGF é um desejo e uma necessidade. Volvidos 30 anos é fácil constatar que todos os princípios e valores defendidos no Livro Azul se mantêm incrivelmente atuais, apesar da pertinência do rejuvenescimento que a passagem dos anos aconselha. É necessário pensar, idealizar e projetar a visão sobre os novos centros de saúde, tendo em conta a realidade atual e as exigências e necessidades sentidas no futuro que é já hoje. Estamos a iniciar um novo ciclo!

Mais lidas