Covid-19: Movimento Todos Por Quem Cuida entrega 150 mil máscaras a farmácias e laboratórios de análises
DATA
18/05/2020 13:58:53
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Covid-19: Movimento Todos Por Quem Cuida entrega 150 mil máscaras a farmácias e laboratórios de análises

Mais de mil farmácias e laboratórios de análises clínicas vão começar a receber máscaras para proteção individual. Esta ação é levada a cabo pelo movimento “Todos Por Quem Cuida”, criado pela Ordem dos Médicos e pela Ordem dos Farmacêuticos, com o apoio da APIFARMA.

Segundo a iniciativa, as cerca de 1500 máscaras vão apoiar o regresso à atividade regular das unidades mais fragilizadas pelo impacto da pandemia de Covid-19, garantindo a proteção dos colaboradores e as condições para voltar a prestar cuidados farmacêuticos essenciais para as comunidades locais.

Os fundadores da conta solidária referem que esta continua a receber, diariamente, o apoio de “inúmeras” entidades e pessoas que desejam apoiar os profissionais que estão na linha da frente a combater a doença. 

Os donativos vão, agora, ser aplicados e distribuídos pelas farmácias comunitárias e laboratórios de análises que reportaram necessidades, validadas pelo movimento, considerando o impacto da pandemia na sua atividade regular e a equidade no acesso aos medicamentos e aos cuidados farmacêuticos.

Neste sentido, os Bastonários dos Médicos e Farmacêuticos vão visitar algumas unidades em todo o País para concretizar a entrega e perceber as necessidades e desafios à retoma da sua atividade regular.

“Para regressarmos à atividade normal, precisamos de equipamentos de proteção individual. Ao contrário de muitos outros serviços de saúde – públicos, privados e do setor social –, as farmácias e os laboratórios de análises clínicas não foram abrangidos por qualquer distribuição gratuita destes equipamentos”, elucida a Bastonária dos farmacêuticos, Ana Paula Martins.

“Adquiriram-nos por sua conta, para sua proteção e para poderem continuar a atender os milhares de utentes que todos os dias continuam a deslocar-se às farmácias e laboratórios clínicos”, afirma, acrescentando que “muitos destes pequenos operadores, em particular nas zonas mais desfavorecidas, sentiram profundamente o impacto da pandemia Covid-19 na sua atividade”

Considera ainda que “embora esta ajuda possa representar, em muitos casos, apenas um mês de proteção para toda a equipa, será, certamente, um apoio importante para a abertura e retoma de muitos serviços” e “em alguns casos, até determinante para o abandono do atendimento pelo postigo”.

Desde a sua criação, o movimento “Todos Por Quem Cuida” angariou mais de 1,2 milhões de euros e reuniu diverso equipamento hospitalar, para proteção individual e outros materiais para a segurança e qualidade dos cuidados prestados aos portugueses.

Até ao momento, os donativos permitiram adquirir 500 câmaras de proteção profissional ao ato de entubação, quase 200 mil máscaras (cirúrgicas e FPP2), 5,5 mil viseiras, 360 colchas e mais de 550 litros de gel antisséptico. Entre os beneficiários estão os hospitais públicos, instituições particulares de solidariedade social, entidades particulares de saúde, entre outros destinatários.

DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Depois de três meses de confinamento é necessário aceitarmos a prudência de DES”confinar sem DISconfinar. Não vamos querer “morrer na praia”! As aprendizagens da pandemia Covid-19 são uma ótima oportunidade para acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência e o estado de calamidade ensinaram-nos muito! É necessário desconfinar o centro de saúde com uma nova visão e reinventar o conceito com unidades de saúde aprendentes e inovadoras.

Mais lidas