Covid-19: Há 29,1 casos por 10.000 habitantes em Portugal, mais 12% face a 6 de maio
DATA
22/05/2020 12:31:23
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Covid-19: Há 29,1 casos por 10.000 habitantes em Portugal, mais 12% face a 6 de maio

O número de casos confirmados de Covid-19 em Portugal era de 29,1 por cada 10 mil habitantes, na quarta-feira, um aumento de 12% em relação a 6 de maio, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgados hoje.

“O número de casos confirmados com a doença Covid-19 por 10 mil habitantes foi acima do valor nacional em 53 municípios”, refere também a publicação do INE “Covid-19: Uma leitura territorial do contexto demográfico e do impacto socioeconómico”.

Na região Norte, 36 municípios registaram um valor acima do valor nacional, destacando-se o conjunto de municípios contíguos da Área Metropolitana do Porto com mais de 50 casos confirmados por 10 mil habitantes: Valongo, Matosinhos, Maia, Gondomar, Porto, Santo Tirso e Vila Nova de Gaia.

Também alguns municípios das regiões Centro (12), da Área Metropolitana de Lisboa (Lisboa, Loures e Amadora), Alentejo (Moura) e Região Autónoma dos Açores (o município de Nordeste) apresentavam valores acima do valor nacional.

“Apesar desta diferenciação, o coeficiente de localização estimado para os dias 25 de março e 20 de maio sugere uma redução da concentração territorial dos casos”, refere o INE.

Dos 53 municípios com um número de casos confirmados por 10 mil habitantes acima do valor global para Portugal, 36 apresentavam também valores de densidade populacional acima da média nacional.

Destes 36 municípios, destacavam-se, com mais de 50 casos confirmados por 10 mil habitantes, o município de Ovar (120,0), na Região de Aveiro, o município de Condeixa-a-Nova (87,0) na Região de Coimbra, os municípios de Valongo (77,4), Vale de Cambra (72,0), Matosinhos (71,4), Maia (66,9), Gondomar (64,1), Porto (62,6), Santo Tirso (56,9) e Vila Nova de Gaia (50,8).

Na Área Metropolitana do Porto, foram os municípios de Felgueiras (69,9), Lousada (67,1) e Paços de Ferreira (52,5) no Tâmega e Sousa, o município de Braga (65,4) no Cávado, e o município de Vizela (53,4) na sub-região do Ave, que mais se destacaram.

À semelhança do município do Porto, o município de Lisboa tem uma elevada densidade populacional, registando, a 20 de maio, um total de 41,4 casos confirmados por 10 mil habitantes.

O INE salienta ainda que 179 dos 308 municípios do País apresentavam um número de casos confirmados por 10 mil habitantes e densidade populacional abaixo da referência nacional.

O número de casos confirmados de Covid-19 considerados pelo INE tem por base a informação divulgada para o total do País e por município no “Relatório diário de Situação Covid-19” da Direção-Geral da Saúde.

O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas