Covid-19: Portugal fez quase 1,5 milhões de testes desde o início da pandemia
DATA
22/07/2020 17:26:11
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Covid-19: Portugal fez quase 1,5 milhões de testes desde o início da pandemia

Portugal realizou 1,48 milhões de testes à Covid-19, revelou hoje a secretária de Estado Adjunta e da Saúde, Jamila Madeira, na conferência de imprensa sobre a evolução da pandemia no país.

A governante salientou que se “mantém a capacidade de realização de testes”, com uma “tendência ascendente” em julho face a junho, registando este mês uma média diária de 13.670 provas. Simultaneamente, Jamila Madeira enfatizou a importância do alargamento da rede laboratorial de 20 para 98 laboratórios em julho, com presença em todo o território.

“Este alargamento da capacidade laboratorial tem sido determinante na resposta eficaz à pandemia e será ainda este ano substancialmente reforçada com o novo investimento, conforme previsto no Programa de Estabilização Económica e Social e acomodado no Orçamento Suplementar”, frisou.

A secretária de Estado Adjunta e da Saúde considerou ainda que o reforço já previsto para a medicina intensiva, recursos humanos, meios de saúde pública e sistemas informáticos, além do aumento do orçamento inicial da saúde para 2020, sublinham “uma opção clara pela robustez e capacidade da resposta do Serviço Nacional de Saúde” (SNS) face ao desafio da pandemia e da prestação dos outros cuidados de saúde.

Jamila Madeira defendeu que o Ministério da Saúde está a trabalhar na salvaguarda do futuro do SNS, quer pela estratégia global do governo, quer pela apresentação do Plano de Recuperação Económica 2020-2030, e destacou a criação de um grupo de trabalho coordenado pela Autoridade Central dos Sistemas de Saúde e com a participação das ARS [Administrações Regionais de Saúde] para elaborar uma proposta de plano plurianual de investimentos.

“Deverá também avaliar e propor medidas com vista à gestão eficiente da rede de equipamentos e instalações do SNS. Esta proposta de plano plurianual de investimentos do Ministério da Saúde – prevendo a planificação global e integrada de investimentos em equipamento e instalações nos próximos 10 anos – deverá estar elaborada a tempo da discussão do próximo Orçamento do Estado”, notou.

#sejamestrelas
Editorial | António Luz Pereira
#sejamestrelas

Ciclicamente as capas dos jornais são preenchidas com o número de novos médicos. Por instantes todos prestam atenção aos números. Sim, para muitos são apenas números. Para nós, são colegas que se decidiram pelo compromisso com os utentes nas mais diversas áreas. Por isso, queremos deixar a todos, mas especialmente aqueles que abraçaram este ano a melhor especialidade do Mundo uma mensagem: “Sejam Estrelas”.

Mais lidas