Covid-19: Governo contratou mais de 5.000 profissionais de saúde
DATA
13/10/2020 11:36:18
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Covid-19: Governo contratou mais de 5.000 profissionais de saúde

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde afirmou ontem que, no âmbito da pandemia da Covid-19, o Governo contratou mais de 5.000 profissionais, entre os quais médicos, enfermeiros, assistentes técnicos e operacionais e técnicos superiores.

“Contratámos a termo resolutivo certo 5.076 profissionais, entre os quais 180 médicos, 1.685 enfermeiros, 548 assistentes técnicos, 2.046 assistentes operacionais e 129 técnicos superiores”, disse António Lacerda Sales.

Na conferência de imprensa de atualização da situação da pandemia em Portugal, o governante sublinhou que este tipo de contratações continua aberto, podendo as administrações hospitalares contratar profissionais dos diferentes segmentos.

Apontando o “grande esforço” que o Governo tem feito no reforço de recursos humanos, António Lacerda Sales disse que estão a decorrer concursos de mobilidades e de contratação de médicos de saúde pública, medicina familiar e a terminarem a especialidade.

“Hoje, o Ministério da Saúde tem mais 2.320 médicos especialistas relativamente a 31 de dezembro de 2019”, destacou.

Sobre o número de clínicos aposentados, o secretário de Estado, e referindo-se a dados até maio deste ano, disse que foram 222 médicos especialistas e 95 de medicina geral e familiar.

Contudo, António Lacerda Sales alertou para o facto de estes números terem, entretanto, aumentado.

O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas