Cerca de 250 mil já receberam as duas doses da vacina contra a Covid-19
DATA
24/02/2021 17:27:30
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Cerca de 250 mil já receberam as duas doses da vacina contra a Covid-19

A Direção-Geral da Saúde (DGS) publicou o relatório semanal de vacinação para a covid-19 e de acordo com os mais recentes dados, já receberam as duas doses da vacina 248.708, mais 46.565 do que na semana anterior.

Em comunicado, a DGS indica que “desde o início do plano de vacinação contra o SARS-CoV-2 em 27 de dezembro, já receberam pelo menos uma dose da vacina 433.475 pessoas, tendo sido inoculadas na última semana 96.701 pessoas”.

Lisboa e Vale do Tejo foi a região que vacinou mais pessoas na última semana, com 49.844 doses administradas, seguindo-se a região Norte com 47 mil vacinações. O Centro (34.271 doses), o Alentejo (6683) e o Algarve (5236) fecham a contabilização em Portugal Continental.

Segundo o relatório semanal que refere o período temporal entre dia 27 de dezembro e 21 de fevereiro, “foram recebidas 830.730 doses tendo sido distribuídas 718.143”.

De acordo com os dados, 52.470 pessoas com 80 ou mais anos já têm a vacinação completa, ou seja, as duas doses da vacina, o “que representa 8% da população desta faixa etária, sendo que 126.259 pessoas com 80 ou mais anos receberam a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus, o que representa 19%”.

“As faixas etárias entre 25–49 anos e 50-64 são aquelas que surgem em segundo lugar da tabela como com a vacinação completa, representando ambos 3%, correspondendo 102.757 e 61.291, respetivamente”, pode ler-se em nota enviada.

Crónicas de uma pandemia anunciada
Editorial | Jornal Médico
Crónicas de uma pandemia anunciada

Era 11 de março de 2020, quando a Organização Mundial de Saúde declarou o estado de Pandemia por COVID-19 e a organização dos serviços saúde, como conhecíamos até então, mudou. Reorganizaram-se serviços, redefiniram-se prioridades, com um fim comum: combater o SARS-CoV-2 e evitar o colapso do Serviço Nacional de Saúde, que, sem pandemia, já vivia em constante sobrecarga.

Mais lidas