Primeiro ventilador produzido em Portugal chega esta semana aos hospitais
DATA
14/04/2021 16:17:56
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Primeiro ventilador produzido em Portugal chega esta semana aos hospitais

As primeiras unidades do ventilador desenvolvido pela Ordem dos Médicos e pela empresa Sysadvance vão ser distribuídas, a partir desta semana, aos hospitais portugueses. Este ventilador, único em Portugal a conseguir a marca CE, está especialmente indicado para contextos mais sensíveis, como os cuidados intensivos.

A primeira unidade, batizada de SYSVENT OM1, já foi entregue nas instalações da Sysadvance, na Póvoa do Varzim. Segundo a Ordem dos Médicos, as primeiras 15 unidades estão prontas a seguir para os hospitais e no total vão ser oferecidos 30 equipamentos às unidades hospitalares, no âmbito do movimento solidário “Todos Por Quem Cuida”, constituído pela própria Ordem dos Médicos, Ordem dos Enfermeiros e a Apifarma.

“Entendemos este dia como o princípio de um momento muito importante para a ciência e para a medicina portuguesas. O contexto adverso da pandemia acelerou o trabalho em equipa multidisciplinar e mostrou que este caminho pode ajudar a prestar melhores cuidados em saúde aos nossos doentes. O ventilador produzido, e que será agora entregue, tem uma precisão essencial para os doentes críticos, em especial para os que estão em cuidados intensivos e sabemos que será uma mais-valia em doentes covid e não covid”, sublinha o bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães.

A certificação do ventilador aconteceu através do Organismo Notificado, SGS Bélgica. Este equipamento foi desenvolvido em “tempo recorde” por engenheiros da Sysadvance e por um grupo de médicos especialistas em cuidados intensivos, indicados pela Ordem dos Médicos.

“Este será um marco excecional na história da Sysadvance, mas certamente também na história da atividade médica em Portugal, no que diz respeito ao seu envolvimento no desenvolvimento de dispositivos médicos. Fechamos hoje um ciclo virtuoso, onde imperou a competência, a tenacidade, o conhecimento e a determinação, para um bem comum”, destaca o presidente do conselho de administração da Sysadvance, José Vale Machado.

Crónicas de uma pandemia anunciada
Editorial | Jornal Médico
Crónicas de uma pandemia anunciada

Era 11 de março de 2020, quando a Organização Mundial de Saúde declarou o estado de Pandemia por COVID-19 e a organização dos serviços saúde, como conhecíamos até então, mudou. Reorganizaram-se serviços, redefiniram-se prioridades, com um fim comum: combater o SARS-CoV-2 e evitar o colapso do Serviço Nacional de Saúde, que, sem pandemia, já vivia em constante sobrecarga.

Mais lidas