Estudo mostra que pandemia afetou doentes oncológicos
DATA
10/05/2021 12:01:55
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Estudo mostra que pandemia afetou doentes oncológicos

De acordo com um estudo desenvolvido pela Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), dois em cada dez doentes oncológicos e um em cada dez cuidadores ponderaram suspender, por iniciativa própria, os atos clínicos por receio de se dirigirem aos serviços hospitalares durante o período de pandemia.

O estudo “Covid-19 e Cancro”, que tinha como objetivo avaliar a perceção do impacto da Covid-19 na vida de doentes oncológicos e familiares, revelou que a pandemia teve algum impacto no acesso aos cuidados de saúde por parte desses mesmos doentes. Segundo o comunicado, seis em cada dez doentes e oito em cada dez cuidadores sentiram medo do contágio por outros doentes ou profissionais de saúde.

Relativamente ao impacto psicológico da Covid-19 nestes doentes, concluiu-se que sete em cada dez doentes e oito em cada dez cuidadores sentiram-se de ‘bastante’ a ‘muitíssimo’ preocupados com a pandemia. Em concordância, entre 15% e 22% de cuidadores/doentes necessitaram de recorrer a medicação ou a apoio psiquiátrico/psicológico durante a pandemia.

Muitos inquiridos revelaram que a pandemia lhes causou “sentimentos de tristeza, ansiedade, preocupação e isolamento, além de um acréscimo das responsabilidades laborais (principalmente em sobreviventes de cancro), das responsabilidades familiares (essencialmente em cuidadores) e maior preocupação com os tratamentos e evolução da doença, mais presente em doentes e cuidadores de doentes em fase ativa”.

Este estudo, que teve como amostra 948 doentes oncológicos e 378 familiares, foi realizado através de questionários via online, entre os dias 2 de julho e 18 de novembro de 2020.

#sejamestrelas
Editorial | António Luz Pereira
#sejamestrelas

Ciclicamente as capas dos jornais são preenchidas com o número de novos médicos. Por instantes todos prestam atenção aos números. Sim, para muitos são apenas números. Para nós, são colegas que se decidiram pelo compromisso com os utentes nas mais diversas áreas. Por isso, queremos deixar a todos, mas especialmente aqueles que abraçaram este ano a melhor especialidade do Mundo uma mensagem: “Sejam Estrelas”.

Mais lidas