Pfizer oferece 1,92 mil ME por empresa especializada na luta contra o cancro
DATA
24/08/2021 15:35:35
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Pfizer oferece 1,92 mil ME por empresa especializada na luta contra o cancro

Mais de dois mil milhões de dólares é quanto a farmacêutica Pfizer está disposta a investir na compra da Trillium, uma empresa do setor especializada em tratamentos do cancro.

 

A Pfizer propõe-se pagar 18,50 dólares por cada ação da Therapeutics Inc., no total de 2,26 mil milhões de dólares (cerca de 1,92 mil milhões de euros), o que representa mais do dobro do preço médio ponderado dos títulos em 60 dias.

Os potenciais tratamentos da Trillium incluem produtos que pretendem melhorar a capacidade do sistema imunitário para detetar e destruir células cancerosas, num portefólio com dois fármacos de referência na área da hematologia, que se encontram já nos estádios iniciais de teste. 

O negócio foi anunciado na segunda-feira, mas ainda precisa da aprovação dos acionistas da Trillium.

No último mês, a Pfizer informou que a sua vacina contra o novo coronavírus originou cerca de metade das suas receitas no segundo trimestre, mas os tratamentos na área do cancro estão a traduzir-se num aumento crescente do volume de negócios da companhia. Estes tratamentos representaram 10,9 mil milhões de dólares de receitas em 2020, envolvendo produtos que visam os cancros da mama, colorretal, do sangue e do pulmão.

Internato centrado na grelha de avaliação curricular: defeito ou virtude?
Editorial | Denise Cunha Velho
Internato centrado na grelha de avaliação curricular: defeito ou virtude?

Sou do tempo em que, na Zona Centro, não se conhecia a grelha de avaliação curricular, do exame final da especialidade. Cada Interno fazia o melhor que sabia e podia, com os conselhos dos seus orientadores e de internos de anos anteriores. Tive a sorte de ter uma orientadora muito dinâmica e que me deu espaço para desenvolver projectos e actividades que me mantiveram motivada, mas o verdadeiro foco sempre foi o de aprender a comunicar o melhor possível com as pessoas que nos procuram e a abordar correctamente os seus problemas. Se me perguntarem se gostaria de ter sabido melhor o que se esperava que fizesse durante os meus três anos de especialidade, responderei afirmativamente, contudo acho que temos vindo a caminhar para o outro extremo.