Ébola: pode ressurgir de humanos que já superaram anteriores infeções
DATA
16/09/2021 17:12:46
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Ébola: pode ressurgir de humanos que já superaram anteriores infeções

Um artigo publicado na revista científica Nature indica que novas epidemias de ébola são suscetíveis de acontecer, transmitidas por humanos contagiados pelo vírus em eventos epidémicos precedentes.

"Mostrámos claramente que, mesmo após quase cinco anos, novas epidemias podem surgir da transmissão por seres humanos infetados durante uma epidemia anterior", lê-se no estudo, citado pela agência France-Presse.

A possibilidade resulta da análise de vírus retirados de 12 doentes infetados durante a epidemia de ébola antecedente, na Guiné-Conacri, país que faz fronteira, designadamente, com a Guiné-Bissau.

O surto, debelado em junho, provocou seis óbitos, número baixo para uma doença que, sendo pouco comum, torna-se particularmente mortal para os infetados.

O número contrasta fortemente com a epidemia que, entre 2013 e 2016, matou 11 mil pessoas na África Ocidental, atingindo sobretudo a Guiné-Conacri, a Libéria e a Serra Leoa.

Contrariamente ao que seria expectável, ao longo de cinco anos, o vírus sofreu poucas mutações.

Governação Clínica
Editorial | Joana Romeira Torres
Governação Clínica

O Serviço Nacional de Saúde em Portugal foi criado e cresceu numa matriz de gestão napoleónica, baseada numa forte regulamentação, hierarquização e subordinação ao poder executivo, tendo como objeto leis e regulamentos para reger a atividade de serviços públicos no geral, existindo ausência de regulamentação relativa à sua articulação com os serviços sociais e económicos.

Mais lidas