XXIX Congresso Português de Aterosclerose arranca hoje em formato híbrido
DATA
15/10/2021 11:08:53
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


XXIX Congresso Português de Aterosclerose arranca hoje em formato híbrido

“Enfrentar o futuro partilhando saberes”. É este o mote do XXIX Congresso Português de Aterosclerose que se realiza hoje e amanhã. O evento, a decorrer em formato híbrido, destina-se a especialistas em Medicina Geral e Familiar (MGF) e especialistas hospitalares, que vão discutir e partilhar o que de novo existe na área da aterosclerose, tendo por base a prática clínica.

"Com exigência, abriremos porta ao futuro com o conhecimento que, aqui, partilhamos. Estes momentos de reflexão e aprofundamento do conhecimento são essenciais para capacitar melhor os nossos clínicos na luta contra a doença aterosclerótica”, reforça o presidente do XXIX Congresso Português de Aterosclerose, Carlos Rabaçal.

O programa científico do evento, organizado pela Sociedade Portuguesa de Aterosclerose (SPA), engloba sessões, mesas-redondas, simpósios e conferências, que pretendem abordar a diversidade das disciplinas científicas que se relacionam com a patologia. No programa científico, o destaque do primeiro dia vai para a conferência sobre a próxima década na aterosclerose, promovida por Kausik Ray, professor no Imperial College London e presidente da European Atherosclerosis Society.

Já o segundo dia do evento será marcado pela conferência sobre “Ritmos circadiários, genes periódicos e doenças ateroscleróticas”, ministrada por António Pedro Machado, e por uma sessão mais informal dedicada a debater se “Há um mundo antes e outro depois da pandemia?” e que contará com a participação do escritor Afonso Cruz.

O programa contempla, ainda, uma mesa-redonda promovida em conjunto com a Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) para discutir guidelines, consensos e normas relacionadas com a aterosclerose e os seus doentes.

Os participantes do Congresso também vão poder assistir a sessões sobre os efeitos pleiotrópicos dos fármacos CV, os benefícios do Ómega 3, o tratamento da inflamação e uma mesa-redonda sobre a relação entre aterosclerose e AVC.

A edição deste ano divide-se entre a participação física em Aveiro, com mais de 120 participantes, e a assistência virtual, com cerca de 700 participantes.

O programa completo e todas as informações sobre o Congresso podem ser consultadas aqui.

Governação Clínica
Editorial | Joana Romeira Torres
Governação Clínica

O Serviço Nacional de Saúde em Portugal foi criado e cresceu numa matriz de gestão napoleónica, baseada numa forte regulamentação, hierarquização e subordinação ao poder executivo, tendo como objeto leis e regulamentos para reger a atividade de serviços públicos no geral, existindo ausência de regulamentação relativa à sua articulação com os serviços sociais e económicos.

Mais lidas