Projeto português quer produzir “mini-cérebros” para triagem mais eficaz de fármacos
DATA
28/10/2021 14:24:10
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Projeto português quer produzir “mini-cérebros” para triagem mais eficaz de fármacos

Um projeto desenvolvido por três investigadoras portuguesas, o “MindMimics”, deseja produzir “mini-cérebros” a partir de células estaminais para diminuir os testes em animais e fazer uma “triagem mais eficiente” dos medicamentos em fases precoces de ensaios.

Laura Frazão, uma das três fundadoras do projeto e investigadora do 3B's Research Group da Universidade do Minho, explicou à Lusa que a ideia é “tornar a tecnologia dos organoides cerebrais ('mini-cérebros' criados em laboratório) acessíveis”.

A investigadora assinalou que a produção dos organoides cerebrais permitirá “diminuir os testes em animais, fazer uma triagem mais eficiente dos medicamentos em fases mais precoces de ensaios clínicos, criar alternativas para a Medicina personalizada e também desenvolver novos medicamentos para doenças neurológicas”.

Observou, a esse propósito, que “cerca de 90% dos novos medicamentos falham durante os ensaios clínicos, sendo que um dos fatores é a utilização de modelos 'in vivo/in vitro' inadequados”.

Os organoides cerebrais são “um modelo 'in vitro' mais complexo capaz de dar respostas mais confiáveis a respeito do efeito de medicamentos”, isto é, ao não passar num ensaio que recorre a organoides, um determinado fármaco “não avança nas etapas de desenvolvimento”.

“Poupamos tempo, recursos e dinheiro”, destacou Laura Frazão, frisando que com a produção destes “mini-cérebros”, tanto centros de investigação, como empresas farmacêuticas podem passar a “terceirizar parte da sua atividade” e focarem-se no “essencial”.

Afirmou ainda que a produção dos organoides cerebrais se pode tornar “promissora”, uma vez que, “até agora, o neurodesenvolvimento humano estava quase inacessível”, ao depender de “abortos ou malformações de fetos”.

O projeto “MindMimics” foi distinguido com o 3.º prémio do Amyris Innovation BIG Impact Award, um concurso de inovação em biotecnologia organizado pela Associação de Antigos Alunos da Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa (ESB-UCP), no Porto, em parceria com a ESB e a Amyris Bio Products Portugal.

Governação Clínica
Editorial | Joana Romeira Torres
Governação Clínica

O Serviço Nacional de Saúde em Portugal foi criado e cresceu numa matriz de gestão napoleónica, baseada numa forte regulamentação, hierarquização e subordinação ao poder executivo, tendo como objeto leis e regulamentos para reger a atividade de serviços públicos no geral, existindo ausência de regulamentação relativa à sua articulação com os serviços sociais e económicos.

Mais lidas