×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 34880
INESC TEC e CHUSJ criam respostas tecnológicas para "problemas e desafios” hospitalares

O Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC) e o Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ), no Porto, assinaram um protocolo para criar novas oportunidades tecnológicas para “problemas e desafios” sentidos diariamente em meio hospitalar, nomeadamente telemedicina e telemonitorização, gestão hospitalar, ‘green’ hospital, sistemas de apoio à decisão clínica, bases de dados abertas, sistemas de informação para a saúde, ciência de dados, inteligência artificial e robótica.

Em comunicado a que a agência Lusa teve acesso, o INESC TEC salienta que esta colaboração vai permitir “continuar a apostar na inovação tecnológica na saúde”, área onde o INESC TEC tem vindo a desenvolver tecnologias para auxiliar os profissionais de saúde ao nível da gestão de cancro, rastreio de doenças, neuroengenharia, gestão hospitalar ou políticas públicas de saúde.

O presidente da Comissão Executiva do INESC TEC, João Claro, afirma que, com o protocolo, o instituto se compromete a “contribuir para o reforço do sucesso” do CHUSJ nas diferentes áreas, desde os cuidados de saúde à formação e investigação.

“Propomo-nos atuar em conjunto e com maior determinação no fortalecimento dos ecossistemas de inovação em saúde em que ambos estamos envolvidos, nomeadamente na Universidade do Porto e na nossa região”, refere João Claro, também docente da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP).

Também o presidente do Conselho de Administração do CHUSJ, Fernando Araújo, observa que o protocolo permitirá que o investimento em investigação e tecnologia se aproxime “das reais necessidades do hospital e nas dificuldades sentidas no dia a dia, envolvendo a comunidade científica na investigação de novas soluções”.

#sejamestrelas
Editorial | António Luz Pereira
#sejamestrelas

Ciclicamente as capas dos jornais são preenchidas com o número de novos médicos. Por instantes todos prestam atenção aos números. Sim, para muitos são apenas números. Para nós, são colegas que se decidiram pelo compromisso com os utentes nas mais diversas áreas. Por isso, queremos deixar a todos, mas especialmente aqueles que abraçaram este ano a melhor especialidade do Mundo uma mensagem: “Sejam Estrelas”.

Mais lidas