O contributo da MGF na avaliação da infertilidade e referenciação
DATA
09/11/2022 12:32:06
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


O contributo da MGF na avaliação da infertilidade e referenciação

Francia Ferraz, especialista em Medicina Geral e Familiar (MGF), integra o painel da conferência dedicada à fertilidade promovida pela Associação Vida Mais Fértil. A sessão decorre online, gratuitamente, já no próximo sábado, 12 de novembro. A especialista de MGF vai palestrar sobre prevenção da infertilidade, educação para a fertilidade, avaliação primária e encaminhamento. A conferência é  dirigida a médicos de família, ginecologistas, enfermeiros e outros profissionais com interesse na área da reprodução e fertilidade.

Esta sessão pretende assinalar a Semana da Fertilidade, a decorrer de 7 a 12 de novembro, conta com vários especialistas nas áreas da Ginecologia, Endocrinologia, Psicologia, Andrologia, Enfermagem, Nutrição, entre outros. 

A primeira palestra será a apresentação do panorama nacional desta área, com a exploração de dados e estatísticas nacionais, legislação em vigor, regras de acesso ao Serviço Nacional de Saúde e Clínicas de Procriação Medicamente Assistida.

Em seguida será explorado o papel do médico de família como o profissional de saúde de primeira linha no contacto com estes doentes, com uma abordagem sobre a educação para a fertilidade, uma avaliação primária e encaminhamento para a especialidade.

Para além de contribuírem para a desconstrução de mitos, os oradores vão abordar, entre outros aspetos, a importância das principais causas da infertilidade, sinais e sintomas, diagnóstico e tratamento na fertilidade feminina e masculina.

Os desafios e oportunidades inerentes ao impacto emocional da infertilidade serão outro dos tópicos em debate. Seguindo-se uma abordagem ao estilo de vida e tipo de nutrição para a promoção de fertilidade.

Esta iniciativa conta com o apoio da Gedeon Richter Portugal, Sociedade Portuguesa da Medicina de Reprodução, Procriar, Ferticentro e Ferticare.

A inscrição para assistir online gratuitamente pode ser aqui.

You've got mail! - quando um aumento da acessibilidade não significa melhoria da acessibilidade
Editorial | António Luz Pereira, Direção da APMGF
You've got mail! - quando um aumento da acessibilidade não significa melhoria da acessibilidade

No ano de 2021, foram realizadas 36 milhões de consultas médicas nos cuidados de saúde primários, mais 10,7% do que em 2020 e mais 14,2% do que em 2019. Ou seja, aproximadamente, a cada segundo foi realizada uma consulta médica.

Mais lidas