O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) anunciou hoje a contratação de dez enfermeiros e 12 assistentes operacionais, assim como a abertura de mais nove camas. O objetivo é melhorar a resposta ao acréscimo de utentes nos serviços de urgência.

Published in Atualidade

A situação de doentes isolados devido a uma bactéria multirresistente, klebsiella pneumoniae carbapenemase, no Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), em Penafiel, “está completamente dominada”, garantiu hoje esta unidade hospitalar.

Published in Atualidade

O número de doentes isolados devido a uma bactéria multirresistente no Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), em Penafiel, aumentou de 26 para 35.

Published in Atualidade

A Administração do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), em Penafiel, garante que a situação de doentes em isolamento, por serem portadores ou terem sido infetados por uma bactéria multirresistente, está controlada.

Published in Atualidade

Alguns doentes do Hospital Padre Américo, em Penafiel, estão em isolamento por serem portadores ou terem sido infetados pela bactéria multirresistente “klebsiella pneumoniae carbapenemase” (KPC).

Published in Atualidade

O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) vai abrir, em Penafiel, a primeira clínica do Serviço Nacional de Saúde (SNS) dedicada a doentes diabéticos e que sofrem de pé diabético.

Published in Atualidade
quarta-feira, 04 julho 2018 17:50

CHTS vai contratar 72 novos profissionais

O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) vai contratar 72 novos profissionais de saúde para colmatar as necessidades decorrentes da passagem das 40 para 35 horas semanais, anunciou hoje esta unidade de saúde.

Published in Atualidade

O presidente da Câmara Municipal de Amarante, José Luís Gaspar, criticou hoje o hospital da cidade, referindo que “40 milhões de euros de investimento estão votados ao abandono”.

Published in Atualidade
Pág. 1 de 2
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas