O Ministério da Saúde anunciou, ontem, que já foi traçado um plano de pagamento para reduzir os valores em dívida ao Instituto Português do Sangue e Transplantação (IPST) e assegura que não existem constrangimentos orçamentais ao seu normal funcionamento.

Published in Atualidade
quarta-feira, 01 agosto 2018 12:43

CHLN reconhece dívida elevada ao IPST

A administração do Centro Hospitalar de Lisboa Norte (CHLN) reconhece que a dívida ao Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) é elevada, mas garante que está a diminuir.

Published in Atualidade
quinta-feira, 15 fevereiro 2018 12:24

60 anos de IPST

O Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) comemora amanhã os seus 60 anos de existência numa sessão solene sob o mote “IPST: 60 anos pela VIDA”.

Published in Atualidade

Os primeiros 30 mil litros de plasma português para transformação em medicamentos vão começar a ser fracionados e, numa segunda fase, resultante de protocolos que serão hoje assinados, essa quantidade deverá atingir os 50 mil litros.

Published in Atualidade
terça-feira, 17 outubro 2017 09:50

IPST garante reservas em “níveis confortáveis”

O Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) esclareceu ontem que as reservas de sangue estão em níveis “confortáveis”, salientando que podem “satisfazer rapidamente” pedidos de qualquer parte ao país.

Published in Atualidade

O número de órgãos colhidos para transplante em 2016 foi o maior de sempre, tendo-se registado pela primeira vez transplantes com órgãos de dadores em paragem circulatória, segundo a Coordenação Nacional da Transplantação.

Published in Atualidade

O presidente do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST), João Almeida e Sousa, afirmou ontem que há mais de 2.000 doentes em Portugal a aguardar por um transplante renal, um aumento que também se regista noutros países.

Published in Atualidade
quinta-feira, 22 setembro 2016 10:51

Presidente do Instituto do Sangue pede demissão

Hélder Trindade

O Presidente do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST), Hélder Trindade, pediu a demissão ao Ministro da Saúde alegando “razões pessoais”, noticiam hoje vários órgãos de comunicação social.

A demissão do especialista na área de Transplantação, que havia assumido o cargo em 2011, foi confirmada hoje à Agência Lusa pelo Ministério da Saúde, segundo o qual Hélder Trindade terá invocado "motivos pessoais".

O pedido de demissão ocorre poucos dias depois de a Direção-Geral da Saúde (DGS) ter divulgado uma norma de orientação clínica no sentido de permitir a dádiva de sangue por parte de homossexuais e bissexuais, embora condicionada a um período de abstinência de um ano.

Recorde-se que Hélder Trindade já tinha sido contestado pelo Bloco de Esquerda em 2015, por este ter afirmado que só admitia dadores homossexuais que fossem abstinentes.

Published in Mundo
Pág. 1 de 3
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas