O PSD de Vila Nova de Poiares, distrito de Coimbra, alertou para a falta de médicos no concelho, algo que coloca a Unidade de Saúde Familiar (USF) de Santo André numa “situação crítica”.

Published in Atualidade

BE e PSD estimam que seja preciso contratar mais de cinco mil novos profissionais de saúde para cobrir as necessidades da passagem às 35 horas semanais. Os dois partidos consideram insuficiente a contratação de apenas dois mil trabalhadores.

Published in Atualidade

O PSD exigiu conhecer o montante exato das cativações efetuadas pelo Governo à Entidade Reguladora da Saúde (ERS) este ano, questionando se as mesmas permitem a este organismo continuar “a prosseguir adequadamente as suas atribuições”.

Published in Atualidade

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, considera que a decisão sobre a despenalização da eutanásia deveria ser remetida para depois das próximas eleições legislativas, afirmando que não se devem “apanhar os portugueses de surpresa”.

Published in Atualidade

O vice-presidente da bancada do PSD, Adão Silva, defendeu que o partido não pediu a demissão do ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, mas apenas “sugeriu”.

Published in Atualidade
sexta-feira, 11 maio 2018 10:43

PSD pede demissão do ministro da Saúde

O PSD pediu, hoje, a demissão do ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, por considerar ser a única alternativa perante a situação atualmente vivida neste setor.

Published in Atualidade

O PSD de Matosinhos revelou que há 2.925 residentes no concelho sem médico de família, tendo já pedido aos eleitos do partido na Assembleia da República para “levantarem a voz” e exigirem a regularização urgente desta “grave situação”.

Published in Atualidade

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, admitiu hoje um referendo sobre a morte medicamente assistida, com vários projetos pendentes no parlamento.

Published in Atualidade
Pág. 2 de 3
COVID e não-COVID: Investimentos para resolver novos e velhos problemas
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
COVID e não-COVID: Investimentos para resolver novos e velhos problemas

Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência terminou e o estado de calamidade passou, mas o problema de saúde mantem-se ativo. É urgente encontrar uma visão inovadora e adotar uma nova estratégia. As unidades de saúde precisam de encontrar respostas adequadas e seguras.

Mais lidas