As organizações representativas dos médicos, de entre as quais a Federação Nacional dos Médicos (FNAM), o Sindicato Independente dos Médicos (SIM), a Ordem dos Médicos (OM) e a Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública (ANMSP), abandonaram a Comissão de Reforma da Saúde Pública Nacional, seguindo assim a recomendação do Fórum Médico.

Published in Atualidade

O Ministério da Saúde manifestou-se ontem “empenhado no diálogo” com os sindicatos médicos, indicando que nos últimos meses foi possível chegar a acordo em áreas importantes, como a reposição do valor das horas extraordinárias em 2017.

Published in Atualidade

Os sindicatos médicos acreditam que a greve de 10 e 11 de maio vai ter uma “enorme adesão” e apelam aos utentes para que apenas compareçam nos serviços de saúde em casos agudos ou de urgência.

Published in Atualidade

Os sindicatos médicos afirmaram hoje que se mantêm todos os pressupostos para que a greve nacional de 10 e 11 de maio ocorra, após uma nova reunião com o Ministério da Saúde.

Published in Atualidade

O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) pediu ontem ao diretor-geral da Saúde, Francisco George, para “livrar” os médicos de família da tarefa de passar atestados para as cartas de condução, insistindo que não é possível cumpri-la no Serviço Nacional de Saúde.

Published in Atualidade

Os sindicatos médicos tencionam manter a greve nacional agendada para 10 e 11 de maio, depois de uma reunião de ontem com a tutela, na qual “algumas matérias continuaram a afastar os sindicatos do Ministério da Saúde”.

Published in Atualidade

O secretário-geral do Sindicato Independente dos Médicos (SIM) afirmou que o anúncio do ministro da saúde de pagamento das horas extraordinárias a 75% aos médicos “é positivo, mas não o suficiente” para desconvocar a greve marcada para maio.

Published in Atualidade

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, considera que existem motivos que legitimam uma greve nacional de médicos e apelou ao ministro da Saúde para que crie o consenso necessário para evitar a paralisação.

Published in Atualidade
Pág. 6 de 10
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas