terça-feira, 05 fevereiro 2019 18:21

Explicação de contas do SNS vai a parlamento

As dívidas e receitas provenientes do Estado relativas ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) vão ser explicadas na quarta-feira no parlamento pela ministra Marta Temido, na sequência de um relatório do Tribunal de Contas publicado a 8 de janeiro.

Published in Atualidade

O Tribunal de Contas (TC) revela que a informação financeira prestada pelo Ministério da Saúde melhorou em 2017, contudo, das 59 entidades obrigadas a revisão legal das contas, 27 não tinham contas certificadas.

Published in Atualidade

A dívida do Serviço Nacional de Saúde (SNS) a fornecedores e credores totalizou 2,9 mil milhões de euros em 2017, o que representa um agravamento de 51,6% face a 2014, revela uma auditoria do Tribunal de Contas (TC).

Published in Atualidade

No final de 2016, os hospitais públicos tinham uma dívida superior a 77 milhões de euros (ME) ao Instituto Português do Sangue e Transplantação (IPST), com o Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN) a ser o principal devedor.

Published in Atualidade

O Tribunal de Contas (TC) recusou o visto prévio às obras previstas no serviço de Urgência do Hospital Senhora da Oliveira (HSO), em Guimarães, alegando "insuficiência de fundos". 

Published in Atualidade
terça-feira, 10 julho 2018 11:27

TC: São João com resultados superiores ao CHLN

O Centro Hospitalar de São João (CHSJ), no Porto, produz mais cuidados de saúde, em menos tempos de espera e com custos operacionais inferiores do que o Centro Hospitalar de Lisboa Norte (CHLN), são as conclusões de um relatório do Tribunal de Contas (TC).

Published in Atualidade

O Tribunal de Contas (TC) recomenda que o Governo faça um financiamento adequado às necessidades dos hospitais, apostando na redução de dívidas acumuladas nas unidades de saúde.

Published in Atualidade

A dívida do Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN) cresceu quase sete milhões por mês em 2017, com o Tribunal de Contas (TC) a considerar que o mesmo se encontrava em falência técnica em 2015 e 2016.

Published in Atualidade
Pág. 1 de 5
DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Depois de três meses de confinamento é necessário aceitarmos a prudência de DES”confinar sem DISconfinar. Não vamos querer “morrer na praia”! As aprendizagens da pandemia Covid-19 são uma ótima oportunidade para acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência e o estado de calamidade ensinaram-nos muito! É necessário desconfinar o centro de saúde com uma nova visão e reinventar o conceito com unidades de saúde aprendentes e inovadoras.

Mais lidas