“Movimento para o Futuro” é o mote da campanha de sensibilização lançada pela APED – Associação Portuguesa para o Estudo da Dor, que arranca esta semana e estará presente em várias cidades do País, em formato de mupis, com o objetivo de sensibilizar a população para a adoção de comportamentos saudáveis com vista à proteção do sistema músculo-esquelético, prevenção e tratamento de estados de dor ligeira a moderada, e incentivar o movimento como forma de prevenção e tratamento desses estados.

Published in Atualidade

Afinal, a ideia generalizada de que as mulheres toleram melhor a dor que os homens é mesmo verdadeira. Há muito enraizada no senso comum, a teoria foi agora validada pela ciência, num estudo publicado na Current Biology. A explicação está na memória, dizem os investigadores da Universidade McGill (Canadá), esclarecendo que o sexo feminino tem tendência a esquecer-se da dor mais rapidamente.

Published in Atualidade

Médicos e enfermeiros das unidades de saúde familiar (USF) do Minho, Braga, estão a organizar a primeira Masterclass de Dor do Minho. São esperados cerca de 150 participantes.

Published in Atualidade

Estratégias simples para aliviar a dor nas crianças, como, por exemplo, fazer bolinhas de sabão devem ser usadas por todos os profissionais de saúde, defendeu uma especialista da Associação Portuguesa para o Estudo da Dor (APED).

Published in Atualidade
COVID e não-COVID: Investimentos para resolver novos e velhos problemas
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
COVID e não-COVID: Investimentos para resolver novos e velhos problemas

Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência terminou e o estado de calamidade passou, mas o problema de saúde mantem-se ativo. É urgente encontrar uma visão inovadora e adotar uma nova estratégia. As unidades de saúde precisam de encontrar respostas adequadas e seguras.

Mais lidas