A ministra da Saúde afirmou ontem ter lido com atenção a carta aberta dos bastonários dos médicos e concorda que este é o momento de o Serviço Nacional de Saúde [SNS] mostrar aos portugueses que “valeu a pena” investir nele.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde revelou ontem que estão ocupadas 6% das camas que poderão ser utilizadas por doentes com Covid-19 nas regiões de Lisboa e Vale do Tejo e no Porto e 18% das camas em unidades de cuidados intensivos.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde, Marta Temido, afirmou ontem que os ‘bónus’ aos profissionais de saúde aprovados pelo parlamento serão pagos ainda no vencimento deste ano, em resposta ao PSD.

Published in Atualidade
A ministra da Saúde, Marta Temido, disse ontem ter questionado todos os presidentes de conselhos de administração dos hospitais sobre o cumprimento da orientação da DGS que permite às grávidas ter acompanhamento durante o parto, depois de algumas queixas.
Published in Atualidade

No âmbito do Dia Nacional do Farmacêutico, que se assinala amanhã dia 26 de setembro, “os farmacêuticos assumem o compromisso de promover o aumento da cobertura vacinal, em especial junto dos grupos de risco”.

Published in Atualidade

A utilização de testes rápidos de detenção de covid-19 será definida no final da semana por um conjunto de peritos, disse a ministra da Saúde, ressalvando que a fiabilidade dos resultados é uma preocupação.

Published in Atualidade
A ministra da Saúde, Marta Temido, afirmou ontem que o Plano Outono Inverno 2020/21 conta com os setores privado e social para organizar as respostas à pandemia de Covid-19.
Published in Atualidade

Portugal tem 285 surtos ativos, a maioria na região Norte (129), seguida de Lisboa e Vale do Tejo (90), disse hoje a ministra da Saúde, Marta Temido.

Published in Atualidade
Pág. 2 de 11
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas