O ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, afirmou ontem que ninguém terá um bom Serviço Nacional de Saúde (SNS) se as contas públicas do país não apresentarem solidez e garantiu que o Governo não vai iludir os portugueses.

Published in Atualidade

O primeiro-ministro garantiu que não existe uma escolha alternativa entre a Saúde e o défice, defendendo a necessidade de ser mantida a política de equilíbrio e elogiou o ministro da Saúde pela forma como tem gerido o seu ministério.

Published in Atualidade

O ministro das Finanças garantiu hoje que a diminuição do défice não foi feita à custa da Saúde e, no final de uma audição parlamentar sobre as contas do setor, afirmou: “Somos todos Adalberto”.

Published in Atualidade

Um em cada dez portugueses deixou, no último ano, de comprar medicamentos prescritos pelo médico por falta de dinheiro, um valor que baixou relativamente a 2016.

Published in Atualidade

Os pagamentos em atraso das administrações públicas atingiam 1.188 milhões de euros no final de janeiro, mais 276 milhões de euros do que no mesmo mês de 2017, segundo informação ontem divulgada pela Direção-Geral de Orçamento (DGO).

Published in Atualidade

O Governo vai realizar no dia 10 de abril um encontro para fazer um retrato da Saúde em Portugal nos últimos dez anos, anunciou o ministro da Saúde.

Published in Atualidade

Investigadores canadianos concluíram que aumentar o dinheiro investido em apoio social faz mais pela saúde da população do que aumentar as despesas com o próprio setor da saúde.

Published in Atualidade

A criação de animais para consumo humano significa menos saúde e pior ambiente, alertam os investigadores, num estudo internacional divulgado hoje, em que se sugere peixe, carne criada em laboratório e até insetos como fontes alternativas de proteína.

Published in Atualidade
Pág. 7 de 8
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas