segunda-feira, 31 outubro 2016 10:42

Fibrilhação auricular: a perda do ritmo sinusal

O coração pode não parar de bater, mas se a fibrilhação auricular bater à sua porta vai reconhecer-lhe o ritmo. Responsável pelo aumento em cinco vezes do aparecimento do risco de acidente vascular cerebral e em três vezes o risco de insuficiência cardíaca, é também a arritmia crónica mais frequente.

Additional Info

  • Imagem 314X277 Imagem 314X277
  • Imagem 720*435 Imagem 720*435
  • Serviço Cardiologista e membro do Conselho de Administração da Fundação Portuguesa de Cardiologia
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde
Editorial | Jornal Médico
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde

Se não os tivéssemos seria bem pior! O reforço do Programa Operacional da Saúde com 800 milhões de euros pode ser entendido como sinal político de valorização do setor da saúde. Será uma viragem na política restritiva? O Serviço Nacional de Saúde (SNS) de 40 anos precisa de cuidados intensivos! Há novos enquadramentos, novas responsabilidades, novas ideias e novas soluções. É urgente pensarmos na nova década com rigor e disponibilidade sincera.