Ângela Francisco:  Os perigos da normalização da incontinência urinária
DATA
10/10/2022 10:21:46
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS

Ângela Francisco: Os perigos da normalização da incontinência urinária

O 20.º Encontro Nacional de Internos e Jovens Médicos de Família arrancou com comunicações livres de apresentação de revisão de tema. “Abordagem da Incontinência Urinária na gravidez e pós-parto” foi o trabalho apresentado por Ângela Francisco, interna de primeiro ano, n a USF Martins Gil, em Leiria, um problema frequente e ao qual os médicos de Medicina Geral e Familiar devem estar atentos.

A iniciativa de apresentar uma revisão sobre este tema deriva da necessidade de compreender “qual a prevalência da incontinência urinária e de que forma podíamos ajudar as mulheres, nomeadamente aquando da gravidez e no pós-parto, e assim antecipar o desenvolvimento desta condição”, sendo relevante a forma de abordagem em consulta.

O treino dos músculos do pavimento pélvico “ajudam a prevenir as perdas urinárias”, sendo que se “deve adaptar o treino dos músculos do pavimento pélvico a cada mulher, consoante a força que elas tenham”, salienta. Ao considerar este um tema relevante e com pouco destaque, Ângela Francisco elaborou um folheto informativo para distribuir na Unidade com o intuito de informar melhor as mulheres e adaptar o tratamento que lhe for mais indicado.

Como reflexão da importância destas sessões de comunicações livres no evento, este é o espaço propício e seguro para partilha, pois “a dúvida de uns é a dúvida de outros” e com estas revisões de tema “assegura-se o conhecimento e melhoramos a prática clínica”.

You've got mail! - quando um aumento da acessibilidade não significa melhoria da acessibilidade
Editorial | António Luz Pereira, Direção da APMGF
You've got mail! - quando um aumento da acessibilidade não significa melhoria da acessibilidade

No ano de 2021, foram realizadas 36 milhões de consultas médicas nos cuidados de saúde primários, mais 10,7% do que em 2020 e mais 14,2% do que em 2019. Ou seja, aproximadamente, a cada segundo foi realizada uma consulta médica.

Mais lidas